A concepção do desenvolvimento humano na proposta educacional do Haiti: análise a partir do enfoque histórico-cultural.

Jimmy Pierre

Resumo


Esta pesquisa centra-se na análise do processo de desenvolvimento humano no âmbito educacional do Haiti, inicia-se por algumas considerações acerca de fatos relevantes na história do país e que incidiram nas políticas públicas educacionais. Para isso, foi delimitado um espaço de tempo (1979 a 2011), por ser um período marcado por diversas mudanças relativas ao sistema educativo, sobretudo a Reforma Bernard. Privilegia-se, nesta investigação, o enfoque histórico-cultural, considerado um dos referenciais mais estudados e discutidos em muitos países e sociedades do mundo, não só pelos aportes na psicologia, mas também por sua abordagem relativa às questões do desenvolvimento humano, instrumentando o processo educativo de forma revolucionária.  Destaca a função dos professores e dos alunos, sendo ambos os sujeitos dinâmicos e centrais no processo de ensino e aprendizagem, considera também que as práticas de linguagem são instrumentos essenciais na evolução desenvolvimentista do humano.  A presente pesquisa traz uma análise e discussão acerca da educação no Haiti, em diferentes épocas, com diferentes visões, no entanto, ainda hoje, com poucas mudanças significativas. Trata-se de um estudo à luz da Psicologia Histórico-Cultural, contrapondo-se à abordagem humanista que se faz presente no sistema educacional do país, mas não no sentido de criticá-la, senão com a finalidade de complementá-la. Desta forma, propõe-se como objetivo favorecer uma discussão do desenvolvimento humano com base no enfoque histórico-cultural, a fim de contribuir para uma análise da concepção educacional do Haiti. A investigação é de revisão bibliográfica com abordagem qualitativa, usando o método dialético histórico-materialista. Para elaborar esta investigação foram considerados três momentos, sendo: uma análise histórica, enfatizando as mudanças ocorridas ao longo do desenvolvimento do sistema educacional do Haiti; uma análise da política educacional baseada no organograma dos dois primeiros ciclos do nível fundamental e, por último, uma  abordagem da Psicologia Histórico-Cultural, partindo da análise dos conceitos de ensino e aprendizagem com vistas ao desenvolvimento humano, incluindo outros elementos relevantes desse enfoque, como o fator da linguagem, a Zona de Desenvolvimento Proximal (ZDP) e a formação de professores como aspetos fundamentais dessa teoria, com objetivo de promover uma educação intencionalmente pensada para promover o desenvolvimento humano em suas máximas potencialidades. Os resultados analisados vislumbram grandes problemas na proposta educativa do Haiti, a qual deve ser repensada, no sentido de priorizar o desenvolvimento humano apoiado na proposta e defendido pelo enfoque histórico-cultural.

                       

 


Palavras-chave


Desenvolvimento humano. Enfoque Histórico-Cultural. Formação de professores. Política educacional. Processo de ensino e aprendizagem.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26514/inter.v7i21.1395

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES: SUMARIOS.ORG   LATINDEX   SEER/IBICT   REDIB   DIADORIM   GOOGLE ACADÊMICO  DOAJ  IRESIE   ELECTRONIC JOURNALS LIBRARY  LIVRE ACESSO ERIH PLUS