NASCIMENTO, P. P.; BARZOTTO, L. A. A persistência da memória de Célia Sánchez na revolução cubana em Nunca fui primeira dama. REVELL - REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS DA UEMS, [S. l.], v. 3, n. 20, p. 98–125, 2019. Disponível em: https://periodicosonline.uems.br/index.php/REV/article/view/3141. Acesso em: 5 fev. 2023.