DIFERENTES SUBSTRATOS E AMBIENTES PROTEGIDOS PARA O CRESCIMENTO DE MUDAS DE MARACUJAZEIRO AMARELO DOCE

Authors

  • Isabela Machado de Oliveira Lima Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Unidade Universitária de Cassilândia, Cassilândia–MS, isabelamachado.oliveira@hotmail.com
  • Joaquim Souto Silva Júnior Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Unidade Universitária de Cassilândia, Cassilândia–MS, souto.agronomia@gmail.com
  • Edilson Costa Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS, Unidade Universitária de Cassilândia, Cassilândia, Mato Grosso do Sul
  • Eliana Duarte Cardoso Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS, Unidade Universitária de Cassilândia
  • Flávio Ferreira da Silva Binotti Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS, Unidade Universitária de Cassilândia
  • Marçal Henrique Amici Jorge Embrapa Hortaliças/Brasília/DF, (61) 3448-4433, marcal.jorge@embrapa.br

DOI:

https://doi.org/10.32404/rean.v3i4.1240

Abstract

A muda de alta qualidade, com vigor superior e equilíbrio de crescimento em altura e diâmetro, possui condições de melhor pegamento e sobrevivência no local definitivo de plantio. Objetivou-se estudar vários substratos contendo diferentes mistura de esterco bovino, solo de barranco, Bioplant®, vermiculita super fina e areia fina em ambientes telados na formação de mudas de maracujá. Foram utilizados o (A1) telado agrícola (dimensões: 8,0 m x 18,0 m x 3,5 m), fechamento em 45º de inclinação, com tela preta de monofilamento em toda sua extensão, malha para 50% de sombreamento (Sombrite®) e (A2) telado agrícola (dimensões: 8,0 m x 18,0 m x 4,0 m), com tela aluminizada termorrefletora na cobertura a 3,30 m, malha para 50% de sombreamento (Aluminet®), fechamentos laterais e frontais em 90º de inclinação com tela de monofilamento preta, malha para 50% de sombreamento. No interior dos ambientes protegidos, as mudas foram formadas em 13 substratos (S) oriundos das combinações (%) de esterco bovino (E), solo de barranco (S), Bioplant® (B), vermiculita super fina (F) e areia (A). Foram avaliadas a emergência, a altura, o diâmetro do colo e a relação entre a altura e o diâmetro.  As melhores mudas de maracujazeiro amarelo doce foram formadas em substratos com maiores quantidade de esterco e/ou vermiculita, com menores quantidades de areia e Bioplant®. Substratos com elevadas quantidades de Bioplant® ou areia não são indicados à formação de mudas de maracujazeiro. O telado aluminizado propiciou condições para obtenção de mudas de maior qualidade, com maior diâmetro em alguns substratos, e menor relação altura/diâmetro.

References

(1) ALMEIDA, A. Composto de lixo urbano na composição química do solo e seus efeitos no desenvolvimento de mudas de maracujazeiro amarelo. Revista de Biociências, Taubaté-SP, v. 9, n. 2, p. 07-15, 2003.

(2) ALVES, E. U.; MOURA, S. S. S.; MOURA, M. F.; GUEDES, R. S.; ESTRELA, F. A. Germinação e vigor de sementes de Crateava tapia L. em diferentes substratos e temperaturas. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal-SP, v. 34, n.4, p. 1208-1215, 2012.

(3) BIASI, L. A.; BILIA, D. A. C.; SÃO JOSÉ, A. R.; FORNASIERI, J. L.; MINAMI, K. Efeito de misturas de turfa e bagaço-de-cana sobre a produção de mudas de maracujá e tomate. Scientia Agricola, Piracicaba-SP, v. 52, n. 2, p. 239-242, 1995.

(4) BORGES, K. C. F.; SANTANA, D. G.; LOPES, S. W.; PEREIRA, V. J. Coloração do fruto e substrato na emergência e no crescimento de plantas de Eugenia calycinas Cambess. Floresta e Ambiente, Seropédica-RJ, v. 23, n. 4, p. 72-77, 2016.

(5) COSTA E.; RODRIGUES E. T.; ALVES V. B.; SANTOS, L. C. R.; VIEIRA L. C. R. Efeitos da ambiência, recipientes e substratos no desenvolvimento de mudas de maracujazeiro-amarelo em Aquidauana – MS. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal-SP, v. 31, n. 1, p. 236-244, 2009.

(6) COSTA, E.; SANTOS, L. C. R.; CARVALHO, C.; LEAL, P. A. M.; GOMES, V. A. Volumes de substratos comerciais, solo e composto orgânico afetando a formação de mudas de maracujazeiro-amarelo em diferentes ambientes de cultivo. Revista Ceres, Viçosa-MG, v. 58, n. 2, p. 216-222, 2011.

(7) COSTA, E.; LEAL, P. A. M.; SANTOS, L. C. R.; VIEIRA, L. C. R. Ambientes de cultivo, recipientes e substratos na produção de biomassa foliar e radicular em mudas de maracujazeiro amarelo em Aquidauana - MS. Ciência e Agrotecnologia, Lavras-MG, v. 34, n. 2, p. 461-467, 2010a.

(8) COSTA, E.; LEAL, P. A. M.; SASSAQUI, A. R.; GOMES, V. A. Doses de composto orgânico comercial na composição de substratos para a produção de mudas de maracujazeiro em diferentes tipos de cultivo protegido. Engenharia Agrícola, Jaboticabal-SP, v. 30, n. 5, p. 776-787, 2010b.

(9) COSTA, E.; DIAS, J. G.; LOPES, K. G.; BINOTTI, F. F. S.; CARDOSO, E. D. Telas de Sombreamento e Substratos na Produção de Mudas de Dipteryx alata Vog.. FLORAM - Revista Floresta e Ambiente, Seropédica-RJ, v. 22, n. 3, p. 416-425, 2015.

(10) DIAS, T. J.; PEREIRA, W. E.; CAVACANTE, L. F.; RAPOSO, R. W. C.; FREIRE, J. L. O. Desenvolvimento e qualidade nutricional de mudas de mangabeiras cultivadas em substratos contendo fibra de coco e adubação fosfatada. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal-SP, v. 31, n. 2, p. 512-523, 2009a.

(11) DIAS, R.; MELO, B.; RUFINO, M. A.; SILVEIRA, D. L.; MORAIS, T. P. Fontes e proporção de material orgânico para a produção de mudas de cafeeiro em tubetes. Ciência e Agrotecnologia, Lavras-MG, v. 33, n. 3, p. 758-764, 2009b.

(12) DUTRA, T. R.; GRAZZIOTTI, P. H.; SANTANA, R. C; MASSAD, M. D. Desenvolvimento inicial de mudas de copaíba sob diferentes níveis de sombreamento e substratos. Revista Ciência Agronômica, Fortaleza-CE, v. 43, n. 2, p. 321-329, 2012.

(13) FREITAS, A. R.; LOPES, J. C.; ALEXANDRE, R. S.; VENANCIO, L. P.; ZANOTTI, R. F. Emergência e crescimento de mudas de maracujá doce em função de lodo de esgoto e luz. Comunicata Scientiae, Vitória-ES, v. 6, n. 2, p. 234-240, 2015.

(14) MENDONCA, V.; RAMOS, J. D.; GONTIJO, T. C. A.; MARTINS, P. C. C.; DANTAS, D. J.; PIO, R.; ARRUDA, N. A. A. Osmocote e substratos alternativos na produção de mudas de maracujazeiro-amarelo. Ciência e Agrotecnologia, Lavras-MG, v. 28, n. 4, p. 799-806, 2004.

(15) MENDONCA, V.; ORBES, M. Y.; ARRUDA, N. A. A.; RAMOS, J. D.; TEIXEIRA, G. A.; SOUZA, H. A. Qualidade de mudas de maracujazeiro-amarelo formadas em substratos com diferentes níveis de Lithothamniun. Ciência e Agrotecnologia, Lavras-MG, v. 30, n. 5, p. 900-906, 2006.

(16) MENDONCA, V.; RAMOS, J. D.; RUFINI, J. C. M.; PIO, R.; CARRIJO, E. P.; GONTIJO, T. C. A. Diferentes substratos e ambientes na formação de mudas de maracujazeiro-amarelo. Revista Científica Rural, Bagé-RS, v. 10, n. 2, p. 10-15, 2005.

(17) NEGREIROS, J. R. S.; ÁLVARES, V. S.; BRAGA, L. R.; BRUCKNER, C. H. Diferentes substratos na formação de mudas de maracujazeiro-amarelo. Revista Ceres, Viçosa-MG, v. 51, n. 294, p. 243-249, 2004.

(18) OLIVEIRA, R. P.; SCIVITTARO, W. B.; VASCONCELLOS, L. A. B. C. Avaliação de mudas de maracujazeiro em função do substrato e do tipo de bandeja. Scientia agricola, Piracicaba-SP, v. 50, n. 2, p. 261-266, 1993.

(19) PIO, R.; GONTIJO, T. C. A.; RAMOS, J. D.; CARRIJO, E. P.; TOLEDO, M.; VISIOLI, E. L.; TOMASETTO, F. Produção de mudas de maracujazeiro amarelo em diferentes substratos. Revista Brasileira de Agrociência, Pelotas-RS, v. 10, n. 4, p. 523-525, 2004.

(20) RIBEIRO, M. C. C.; MORAIS, M. J. A.; SOUSA, A. H.; LINHARES, P. C. F.; BARROS JUNIOR, A. P. Produção de mudas de maracujá-amarelo com diferentes substratos e recipientes. Caatinga, Mossoró-RN, v. 18, n. 3, p.155-158, jul/set. 2005.

(21) SILVA, R. P.; PEIXOTO, J. R.; JUNQUEIRA, N. T. V. Influência de diversos substratos no desenvolvimento de muda de maracujazeiro-azedo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg). Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal-SP, v. 23, n. 2, p. 377-381, 2001.

(22) SILVA, E. P.; MARUYAMA W. I.; OLIVEIRA, A. C.; BARDIVIESSO, D. M. Efeito de diferentes substratos na produção de mudas de mangabeira (Hancornia speciosa G). Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal-SP, v. 31, n. 3, p. 925-929, 2009.

(23) SILVA, E. A. da; MARUYAMA, W. I.; MENDONÇA, V.; FRANCISCO, M. G. S.; BARDIVIESSO, D. M.; TOSTA, M. da S. Composição de substratos e tamanho de recipientes na produção e qualidade das mudas de maracujazeiro 'amarelo'. Ciência e Agrotecnologia, Lavras-MG, v. 34, n. 3, p. 588-595, 2010.

(24) SILVA, I. R. MENDONÇA, E. S. Matéria orgânica no solo. In: NOVAES, R. F.; ALVAREZ, V. H. V.; BARROS, N. F.; FONTES, R. L. F.; CANTARUTTI, R. B.; NEVES, J. C. L. Fertilidade do solo. Viçosa-MG: Sociedade Brasileira de Ciência do solo, 2007. p. 275-374.

(25) SMIDERLE, O.J.; SALIBE, A.B.; HAYASHI, A.H.; MINAMI, K. Produção de mudas de alface, pepino e pimentão em substratos combinando areia, solo e Plantmax®. Horticultura Brasileira, Brasília-DF, v. 19, n. 3, p. 253-257, 2001.

(26) VERDIAL, M. F, L., SANTOS, M; TESSARIOLI NETO, J. Métodos de formação de mudas de maracujazeiro amarelo. Scentia agricola, Piracicaba-SP, v. 57, n. 4, p. 795-798, 2000.

(27) WAGNER JÚNIOR, A.; ALEXANDRE, R. S.; NEGREIRO, J. R.; PIMENTEL, L. D.; COSTA E SILVA, J. O.; BRUCKNER, C. H. Influência do substrato na germinação e desenvolvimento inicial de plantas de maracujazeiro amarelo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg). Ciência e Agrotecnologia, Lavras-MG, v. 30, n. 4, 2006.

(28) ZANELLA, F.; SONCELA, R.; LIMA, A. L. S. Formação de mudas de maracujazeiro “amarelo” sob níveis de sombreamento em Ji-Paraná/RO. Ciência e Agrotecnologia, Lavras-MG, v. 30, n 5, p. 880-884, 2006.

Published

2016-10-17

How to Cite

Lima, I. M. de O., Silva Júnior, J. S., Costa, E., Cardoso, E. D., Binotti, F. F. da S., & Jorge, M. H. A. (2016). DIFERENTES SUBSTRATOS E AMBIENTES PROTEGIDOS PARA O CRESCIMENTO DE MUDAS DE MARACUJAZEIRO AMARELO DOCE. REVISTA DE AGRICULTURA NEOTROPICAL, 3(4), 39–47. https://doi.org/10.32404/rean.v3i4.1240

Most read articles by the same author(s)

1 2 3 > >>