GEOESTATÍSTICA APLICADA NA DETERMINAÇÃO DA COMPACTAÇÃO DO SOLO NO CULTIVO DA CANA-DE-AÇÚCAR

Authors

  • Indiamara Marasca Universidade de Rio Verde (UniRV), campus de Rio Verde - GO. (docente) http://orcid.org/0000-0003-0146-2875
  • Joanina Gladenucci Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho-FCA/UNESP, mestranda, Campus de Botucatu, Botucatu, São Paulo, Brasil
  • Emanuel Rangel Spadim Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho-FCA/UNESP, Assistente Técnico, Campus de Botucatu, Botucatu, São Paulo, Brasil.
  • Rodrigo Domingues Barbosa Faculdades Integradas de Bauru, professor, Bauru, São Paulo, Brasil.
  • Kleber Pereira Lanças Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho-FCA/UNESP, professor, Campus de Botucatu, Botucatu, São Paulo, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.32404/rean.v4i2.1462

Abstract

As ferramentas de agricultura de precisão diversificam-se cada vez mais para facilitar a tomada de decisão no campo com o intuito de aumentar a produtividade das culturas para alimentar uma população crescente. A responsabilidade dos profissionais das áreas agronômicas deve ser embasada em estudo e domínio de novas tecnologias. Com esta pesquisa objetivou-se demonstrar a técnica de interpolação de dados para confeccionar mapas de solos utilizando software Gamma Desing e as técnicas da geoestatística.  A resistência à penetração do solo foi obtida até a profundidade de 0,45 m. Para confecção dos mapas dos transeptos para os tratamentos foi utilizado o software Gamma Desing. Os dados para a camada de 0,30 a 0,45 m no preparo convencional foi o único que não apresentou dependência espacial. O uso da geoestatística como ferramenta na agricultura teve resposta satisfatória e o programa Gamma Desing mostrou-se confiável na interpolação dos mapas para a variável de compactação do solo.

Author Biography

Indiamara Marasca, Universidade de Rio Verde (UniRV), campus de Rio Verde - GO. (docente)

Pos Doutorando em Agronomia

References

(1) ASABE. AMERICAN SOCIETY OF AGRICULTURAL AND BIOLOGICAL ENGINEERS. Soil cone penetrometer. Saint Joseph, 2006. p. 902-904.

(2) BALASTREIRE, L. A. Máquinas Agrícolas. São Paulo-SP: Manole, 1987. 310 p.

(3) CAMBARDELLA, C. A.; MOORMAN, T. B.; NOVAK, J. M.; PARKIN, T. B.; KARLEN, D. L.; TURCO, R. F.; KONOPKA, A. E. Field-scale variability of soil properties in central Iowa soils. Soil Science Society of America Journal, Madison, v. 58, p. 1501-1511, 1994.

(4) CARRARA, M.; CASTRIGNANÒ, A.; COMPARETTI, A.; FEBO, P.; ORLANDO, S. Mapping of penetrometer resistance in relation to tractor traffic using multivariate geostatistics. Geoderma, v.142, p. 294-307, 2007.

(5) CONAB. COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO. Acompanhamento da safra brasileira de cana-de-açúcar, v. 2 - Safra 2015/16, n. 4 - Quarto levantamento, Brasília-DF, 2016. p. 1-76.

(6) CORTEZ, J. W.; OLSZEVSKI, N.; PIMENTA, W. A.; PATROCÍNIO FILHO, A. P.; SOUZA, E. B.; NAGAHAMA, H. J. Avaliação da intensidade de tráfego de tratores em alguns atributos físicos de um Argissolo amarelo. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa-MG, v. 38, n. 3, p.1000-1010, 2014.

(7) EMBRAPA. EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGOPECUÁRIA. Sistema Brasileiro de Classificação de Solos. Centro Nacional de Pesquisa de Solos. 6. ed. Rio de Janeiro-RJ, 2013. 412 p.

(8) LANÇAS, K. P.; SANTOS FILHO, C. A. Penetrômetro hidráulico-eletrônico equipado com DGPS para avaliação da compactação do solo. La Plata: Editorial de la U.N.L.P, 1998. p. 570-576.

(9) LANDIM, P. M. B. Sobre geoestatística e mapas. Campinas-SP: Editora Terræ Didatica, 2006. p.19-33.

(10) LIMA, J. S. S.; SATTLER, M. A.; PASSOS, R. R.; OLIVEIRA, P. C.; SOUZA, G. S. Variabilidade espacial de atributos físicos de um Argissolo vermelho-amarelo sob pastagem e vegetação secundária em regeneração natural. Revista Engenharia Agrícola, Jaboticabal-SP, v. 29, n. 2, p.185-195, 2009.

(11) OLIVEIRA, I. A.; CAMPOS, M. C. A.; AQUINO, R. E.; MARQUES JUNIOR, J.; FREITAS, L.; SOUZA, Z. M. Semivariograma escalonado no planejamento amostral da resistência à penetração e umidade de solo com cana-de-açúcar. Revista Ciências Agrárias, Recife-PE, v. 57, n. 3, p. 287-296, 2014.

(12) PACHECO, E. P.; CANTALICE, J. R. B. Compressibilidade, resistência à penetração e intervalo hídrico ótimo de um Argissolo Amarelo cultivado com cana-de-açúcar nos Tabuleiros Costeiros de Alagoas. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa-MG, v. 35, n. 2; p. 403-415, 2011.

(13) PAULINO, A. F.; MEDINA, C. C.; AZEVEDO, C. B.; SILVEIRA, K. R. P.; TREVISAN, A. A.; MURATA, I. M. Escarificação de um Latossolo Vermelho na pós-colheita de soqueira de cana-de-açúcar. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa-MG, v. 28, n. 5; p.911-917, 2004.

(14) ROBERTSON, G. P. GS+: Geostatistics for theenvironmental sciences GS+ User’s Guide. Plainwell: Gamma Desing Software, 2000. 152 p.

(15) ROQUE, A. A. O.; SOUZA, Z. M.; ARAÚJO, F. S.; SILVA. G. R. V. Atributos físicos do solo e intervalo hídrico do solo de um Latossolo Vermelho distrófico sob controle de tráfego agrícola. Ciência Rural, Santa Maria-RS, v. 41, n. 9, p. 1536-1542, 2011.

(16) SEGATO, S. V.; PINTO, A. S.; JENDIROBA, E.; NÓBREGA, J. C. M. Atualização em produção em cana-de-açúcar. Piracicaba-SP: Livroceres, 2006. 415p.

(17) SMITH, R.; ELLIES, A.; HORN, R. Modified Boussinesq‗s equations for nonuniform tire loading. Journal of Terramechanics, Grã Bretanha, v. 37, p. 207-222, 2000.

(18) SOEHNE, W. Fundamental of pressur distribution and soil compactation under tractor tires. Agricultural Engineering, Michigan, v. 39, n. 5, p. 276-281, 1958.

(19) SOUZA,G. S.; SOUZA, Z. M.; SILVA, R. B.; BARBOSA, R. S.; ARAÚJO, F. S. Effects of traffic control on the soil physical quality and the cultivation of sugarcane. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa-MG, v. 38, n.2; p.135-146, 2014.

(20) TRANGMAR, B. B.; YOST, R. S.; UEHARA G. Application of geostatistics to spatial studies of soil properties. Advances in Agronomy, Newark-USA, v.38, p.45-94, 1985.

(21) VASCONCELOS, R. F. B.; CANTALICE, J. R. B.; MOURA, G. B. A.; RLIM, M. M.; MONTENEGRO, C. E. V. Compressibilidade de um Latossolo Amarelo distrocoeso não saturado sob diferentes sistemas de manejo da cana-de-açúcar. Revista Brasileira de Ciência do Solo,Viçosa-MG, v.36, n.2; p.525-536, 2012.

(22) WALTER, A.; DOLZAN, P.; QUILODRÁN, O.; GARCIA, J.; SILVA, C.; PIACENTE, F.; SEGERSTEDT, A. A sustainability analysis of the Brazilian ethanol. Campinas-SP: Unicamp, 2008. 167 p.

Published

08/11/2017

How to Cite

Marasca, I., Gladenucci, J., Spadim, E. R., Barbosa, R. D., & Lanças, K. P. (2017). GEOESTATÍSTICA APLICADA NA DETERMINAÇÃO DA COMPACTAÇÃO DO SOLO NO CULTIVO DA CANA-DE-AÇÚCAR. REVISTA DE AGRICULTURA NEOTROPICAL, 4(2), 49–55. https://doi.org/10.32404/rean.v4i2.1462

Most read articles by the same author(s)