ESPALHAMENTO E TENSÃO SUPERFICIAL DE GOTAS DE SOLUÇÕES COM HERBICIDAS E ADJUVANTES EM FOLHAS DE Digitaria insularis

Adriana Cologni Salvalaggio, Neumárcio Vilanova da Costa, Victor Natan Cazzo, Elio Conradi Junior, Alesson Felipe Eckert

Resumo


Objetivou-se avaliar a tensão superficial e eficiência do espalhamento de gotas de soluções com herbicidas e adjuvantes em diferentes concentrações em folhas de Digitaria insularis. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, com quatro repetições. Os tratamentos utilizados foram glyphosate (Roundup Original®, 360 g L-1) na dose de 960 g L-1 e glufosinato-sal de amônio (Finale®, 200 g L-1), na dose de 400 g L-1 com adição dos adjuvantes: óleo mineral (Nimbus®), óleo vegetal (Aureo®) e glicerina (Hygrogem®, subproduto do biodiesel de soja), nas concentrações de: 0,00; 0,08; 0,16; 0,31; 0,63; 1,25; 2,50 e 5,00% (v/v), em folhas de Digitaria insularis. O espalhamento das gotas das soluções foram avaliadas nas faces foliares adaxial e abaxial. A eficiência no espalhamento de gotas nas folhas de D. insularis foi dependente do herbicida da face foliar, bem como da concentração dos adjuvantes avaliados. Observou-se que os adjuvantes foram eficientes em reduzir a tensão superficial das soluções com os herbicidas, com exceção para a glicerina adicionada ao glifosato. O glifosato+óleo mineral (3,2%) e o glufosinato+óleo vegetal (0,3%) foram os mais eficientes no espalhamento na face adaxial da folha de D. insularis, enquanto que o glifosato+óleo mineral (0,6%) e o glufosinato+óleo mineral (1,5%) foram os mais eficientes no espalhamento na face abaxial.

Texto completo:

PDF

Referências


(I) Baio, F. H. R.; Gabriel, R. R. F.; Camolese, H. S., 2015. Alteração das propriedades físico-químicas na aplicação contendo adjuvantes. Brazilian Journal of Biosystems Engineering, 9, 151-161.

(II) Costa, N. V.; Modolon, T. A.; Pisatto, M.; Broetto, L.; Mezzalira, E. J., 2014. Tensão superficial e área de espalhamento de gotas de soluções com herbicidas e adjuvantes em folhas de Conyza canadensis. Scientia Agraria Paranaensis, 13, 161-170.

(III) Cunha, J. P. A. R.; Alves, G. S., 2009. Características físico-químicas de soluções aquosas com adjuvantes de uso agrícola. Interciência, 34, 655-659.

(IV) Cunha, J. P. A. R.; Alves, G. S.; Reis, E. F., 2010. Efeito da temperatura nas características físico-químicas de soluções aquosas com adjuvantes de uso agrícola. Planta Daninha,28, 665-672.

(V) Galon, L.; Concenço, G.; Ferreira, E. A.; Silva, A. F.; Ferreira, F. A.; Noldin, J. A. Freitas, M. A. M., 2007. Competição entre plantas de arroz e biótipos de capim-arroz (echinochloa spp.) resistente e suscetível ao quinclorac. Planta Daninha, 27, 701-709.

(VI) Hess, F. D.; Falk, R. H., 1990. Herbicide deposition on leaf surfaces. Weed Science, 38, 280-288.

(VII) Maciel, C. D. G., Moraes, D. W.; Balan, M. G., 2011. Associação de adjuvantes com herbicidas na dessecação e no controle em pós-emergência de plantas daninhas na cultura do trigo. Revista Brasileira de Herbicidas, 10, 243-256.

(VIII) Machado, A. F. L.; Ferreira, L. R.; Ferreira, F. A.; Fialho, C. M. T.; Tuffi, S. L. D.; Machado, M .S., 2006. Análise de crescimento de Digitaria insularis. Planta Daninha, 24, 641-64.

(IX) Machado, A. F. L.; Meira, R. M. S.; Ferreira, L. R.; Ferreira, F. A.; Tuffi, S. L. D.; Fialho, C. M. T.; Machado, M. S., 2008. Caracterização anatômica de folha, colmo e rizoma de Digitaria insularis. Planta Daninha, 26 1-8.

(X) Mendonça, C. G.; Velini, E. D.; Martins, D.; Mendonça, C. G., 1999. Efeitos de surfatantes sobre a tensão superficial e a área de molhamento de soluções de glyphosate sobre folhas de tiririca. Planta Daninha, 17, 355-365.

(XI) Mendonça, C. G.; Raetano, C. G.; Mendonça, C. G., 2007. Tensão superficial estática de soluções aquosas com óleos minerais e vegetais utilizados na agricultura. Engenharia Agrícola, 16-23.

(XII) Melo, S. C. M.; Rosa, L. E.; Brunharo, C. A. C. G.; Nicolai, M.; Christoffoleti, P. J., 2012. Alternativas para o controle de capim-amargoso (Digitaria insularis) resistente ao glyphosate. Revista Brasileira de Herbicidas, 11, 195-203.

(XIII) Moreira, M .S; Nicolai, M.; Carvalho, S. J. P.; Christoffoleti, P. J., 2007. Resistência de Conyza canadensis e C. bonariensis ao herbicida glyphosate. Planta Daninha, 25, 157-164.

(XIV) Procópio, S.O.; Pires, F. R.; Menezes, C. C. E.; Barroso, A. L. L.; Moraes, R. V.; Silva, M. V. V.; Queiroz, R. G.; Carmo, M. L., 2006. Efeitos de dessecantes no controle de plantas daninhas na cultura da soja. Planta Daninha, 24, 193-197.

(XV) Velini, E. D.; Martins, D.; Silva, M. A. S., 2000. Efeito de concentrações de espalhante adesionante e doses de glyphosate no controle de Brachiaria decumbens e Panicum maximum. Planta Daninha, 18, 349-366.

(XVI) Vidal, R. A.; Spader, V.; Fleck, N. G.; Merotto Junior, A., 2004. Nível de dano econômico de brachiaria plantaginea na cultura de milho irrigado. Planta Daninha, 22, 63-69.

(XVII) Voll, E.; Gazziero, D. L. P.; Brighenti, A. A. M.; Adegas, F. S., 2002. Competição relativa de espécies de plantas daninhas com dois cultivares de soja. Planta Daninha, 20, 17-24.




DOI: https://doi.org/10.32404/rean.v5i3.1721

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 JOURNAL OF NEOTROPICAL AGRICULTURE

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.