ADUBAÇÃO POTÁSSICA NA PRODUÇÃO DE DUAS CULTIVARES DE MELOEIRO

Diógenes Martins Bardiviesso, Wilson Itamar Maruyama, Luis Eduardo Pessato, Ana Carolina Bueno Pereira, Joyce Helena Modesto

Resumo


As recomendações de adubação potássica para a cultura do meloeiro variam de região para região, sendo essas recomendações influenciadas principalmente pelas condições de clima, solo, e condições de cultivo. Portanto, o objetivo foi avaliar doses de potássio sobre a produtividade e a qualidade dos frutos de duas cultivares de meloeiro produzidas em céu aberto no município de Cassilândia-MS. O delineamento experimental foi de blocos casualizados com quatro repetições, em esquema fatorial 2x5 (cultivares x doses de potássio), utilizando-se duas cultivares, o híbrido Amarelo Giorgio (Cucumis melo var. inodorus), e o híbrido Cantaloupe Rafael (Cucumis melo var. cantalupensis) e cinco doses de potássio (0, 60, 120, 180 e 240 kg ha-1 de K2O) aplicadas no plantio e em cobertura na forma de grânulos. Foram avaliadas as seguintes variáveis: produtividade, massa, comprimento e diâmetro médio dos frutos, espessura da casca, ºBrix e pH da polpa, e porcentagem de frutos comerciais. A dose de potássio estimada que proporcionou a maior produtividade do meloeiro foi de 136,75 kg de K2O ha-1. Dentre as cultivares estudadas em cultivo a céu aberto no município de Cassilândia-MS, o híbrido Amarelo Giorgio produziu frutos que atendem os padrões de comercialização em níveis adequados.


Texto completo:

PDF

Referências


(1) ALVARENGA, M. A. R.; RESENDE, G. M. Cultura do melão. Lavras-MG: Editora UFLA, 2002. 154 p.

(2) BRANDÃO FILHO, J. U. T.; VASCONCELLOS, M. A. S. A cultura do meloeiro. In: GOTO, R.; TIVELLI, S.W. (Eds). Produção de hortaliças em ambiente protegido: condições subtropicais. São Paulo-SP: Fundação Editora da UNESP, 1998. p.161-193.

(3) CÂMARA, M. J. T.; NEGREIROS, M. Z.; MEDEIROS, F. F.; NETO, F. B.; BARROS JÚNIOR, A. P. Produção e qualidade de melão amarelo influenciado por cobertura de solo e lâminas de irrigação. Ciência Rural, Santa Maria-RS, v. 37, n. 1, p. 58-63, 2007. Disponível em: . Acesso em: 18 de jan. 2015.

(4) EMBRAPA. EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA. Sistema Brasileiro de classificação de solos. Rio de Janeiro-RJ: EMBRAPA, 2006. 306 p.

(5) FELTRIN SEMENTES. Feltrin sementes. Disponível em: . Acesso em: 20 de fev. 2015.

(6) FILGUEIRA, F. A. R. Novo manual de Olericultura: agrotecnologia moderna na produção e comercialização de hortaliças. 3 ed. Viçosa-MG: UFV, 2013. 412p.

(7) MEUGER, E. J. Potássio. In: FERNANDES, M. S. Nutrição mineral de plantas. Viçosa-MG: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2006. p. 215-252.

(8) NETO, C. P. C.; GHEYI, H. R.; MEDEIROS, J. F.; DIAS, N. S.; CAMPOS, M. S. Produtividade e qualidade de melão sob manejo com água de salinidade crescente. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia-GO, v. 43, n. 4, p. 354-362, 2013. Disponível em: . Acesso em: 18 de jan. 2015.

(9) NETTO, A. G.; GAYET, J. P.; BLEINROTH, E. W.; MATALLO, M.; GARCIA, E. E. C.; GARCIA, A. E.; ARDITO, E. F. G.; BORDIN, M. R. Melão para exportação: procedimentos de colheita e pós-colheita. Brasília-DF: EMBRAPA-SPI, 1994. 37 p.

(10) PEREIRA, F. H. F.; PUIATTI, M.; FINGER, F. L.; CECON, P. R.; AQUINO, L. A. Produção e qualidade de frutos de melão amarelo e charentais cultivados em ambientes sombreados. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande-PB, v. 14, n. 9, p. 944-950, 2010. Disponível em: . Acesso em: 18 de jan. 2015.

(11) RAIJ, B. V.; CANTARELLA, H.; QUAGGIO, J. A.; FURLANI, A. M. C. Recomendações de adubação e calagem para o Estado de São Paulo. 2 ed. Campinas-SP: IAC, 1996. 285 p. (Boletim técnico, 100).

(12) SILVA, M. C.; SILVA, T. J. A.; BONFIM-SILVA, E. M.; LORRAINE, N. F. Características produtivas e qualitativas de melão rendilhado adubado com nitrogênio e potássio. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande-PB, v. 18, n. 6, p. 581-587, 2014. Disponível em: . Acesso em: 18 de jan. 2015.

(13) SILVA JÚNIOR, M. J.; DUARTE, S. N.; OLIVEIRA, F. A.; MEDEIROS, J. F.; DUTRA, I. Resposta do meloeiro à fertirrigação controlada através de íons da solução do solo: parâmetros produtivos. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental. Campina Grande-PB, v. 14, n. 7, p. 723-729, 2010. Disponível em: . Acesso em: 18 de jan. 2015.

(14) SOUSA, V. F.; COELHO, E. F.; SOUZA, V. A. B.; HOLANDA FILHO, R. S. F. Efeito de doses de nitrogênio e potássio aplicadas por fertirrigação no meloeiro. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande-PB, v. 9, n. 2, p. 210-214, 2005.

(15) VITTI, G. C.; LIMA, E; CICARONE, F. Cálcio, magnésio e enxofre. In: Manlio Silvestre Fernandes. (Org.). Nutrição mineral de plantas. Viçosa-MG: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2006. p. 299-325.




DOI: https://doi.org/10.32404/rean.v2i1.244

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 JOURNAL OF NEOTROPICAL AGRICULTURE

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.