EFICIÊNCIA DE INSETICIDAS NO CONTROLE DE Chrysodeixis includens (LEPIDOPTERA: NOCTUIDAE) NA CULTURA DA SOJA

Gustavo Luís Mamoré Martins, Germison Vital Tomquelski

Resumo


O objetivo do trabalho foi estudar a eficiência de alguns inseticidas para o controle de Chrysodeixis includens (Lepidoptera: Noctuidae) em duas safras na cultura da soja. Desenvolveu-se dois experimentos, sendo um na safra 2006/07 (experimento 1) e outro na safra 2007/08 (Experimento 2), no município de Chapadão do Sul (MS), sendo delineados em blocos ao acaso com 7 tratamentos e 4 repetições (experimento 1) e 6 tratamentos e 4 repetições (experimento 2). No experimento 1, os tratamentos foram: 1. Testemunha; 2. Profenofós + Lufenuron (151 g i.a. ha-1); 3. Metomil (7,5 g i.a. ha-1); 4. Teflubenzuron (384 g i.a. ha-1); 5. Thiodicarb (24 g i.a. ha-1); 6. Clorpirifós (28,8 g i.a. ha-1); 7. Fenitrotion + esfenvarelate (384 g i.a. ha-1). No experimento 2, foram utilizados os tratamentos: 1. Testemunha; 2. Teflubenzuron (12 g i.a. ha-1); 3. Metomil (129 g i.a. ha-1); 4. Profenofós + Lufenuron (15+150 g i.a. ha-1); 5. Flubendiamid (12 g i.a. ha-1); 6. Flubendiamid (14,4 g i.a. ha-1). Foi observada uma baixa eficiência dos inseticidas no controle de C. includens na cultura da soja. Os inseticidas Fenitrotion+Esfenvarelate, Tiodicarb, Metomil e Clorpirifós são os mais eficientes para o controle de lagartas pequenas de falsa-medideira (Chrysodeixis includens). Para as lagartas grandes os inseticidas mais eficientes são Flubendiamide e Profenofós+Lufenuron.


Texto completo:

PDF

Referências


(1) ABBOTT, W. S. A method of computing the effectiveness of an insecticide. Journal of Economic Entomology, Lanham, v. 18, n. 1, p. 265-267, 1925.

(2) BORTOLINI, C. G.; LECH, A. R. M. Avaliação da eficiência de inseticidas no controle de lagartas das maçãs do algodoeiro e seletividade a inimigos naturais. Lucas do Rio Verde-MT: Fundação de Apoio à Pesquisa e Desenvolvimento Integrado de Rio Verde: resultados de pesquisa, Lucas do Rio Verde, 2004. 17p.

(3) CONAB. COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO. Acompanhamento da safra Brasileira grãos, Safra 2014/15 – Décimo Levantamento. Brasilia-DF: 2015. Disponível em: http://www.conab.gov.br. Acesso em: 15 de junho de 2015.

(4) DEGRANDE, P. E.; VIVAN, L. M. Pragas da Soja. Tecnologia e produção: soja e milho 2008/2009. Maracaju-MS: FUNDAÇÃO MS, 2008. p. 73- 108.

(5) EMBRAPA. EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA. Tecnologias de produção de soja - região central do Brasil - 2009 e 2010. Londrina-PR: Embrapa Soja: Embrapa Cerrados: Embrapa Agropecuária Oeste, 2008.

(6) GALLO, D.; NAKANO, O.; SILVEIRA NETO, S.; CARVALHO, R. P. L.; BAPTISTA, G. C.; BERTI FILHO, E.; PARRA, J. R. P.; ZUCCHI, R. A.; ALVES, S. B.; VENDRAMIM, J. D.; MARCHINI, L. C.; LOPES, J. R. S.; OMOTO, C. Entomologia Agrícola. Piracicaba-SP: FEALQ, 2002. 920p.

(7) GUEDES, J. V. C.; FIORIN, R. A.; STURMER, G. R.; DAL PRA, E.; PERINI, C. R.; BIGOLIN, M. Sistemas de aplicação e inseticidas no controle de Anticarsia gemmatalis na soja. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande-PB, v. 16, n. 8, p. 910-914, 2012.

(8) HANNIG. G. T.; ZEIGLER, M.; MARCON, P. G. Feeding cessation effects of chlorantraniliprole, a new anthranilic diamide insecticide, in comparison with several insecticides in distinct chemical classes and mode-of-action groups. Pest Management Science, Sussex, v. 65, n. 9, p. 969-974, 2009.

(9) MARTINS, G. L. M.; TOSCANO, L.C.; TOMQUELSKI, G. MARUYAMA, W.I. Inseticidas no controle de Anticarsia gemmatalis (Lepidoptera: Noctuidae) e impacto sobre aranhas predadoras em soja. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, Recife-PE, v. 4, n.2, p. 128-132, 2009.

(10) MARTINS, G. L. M.; TOSCANO, L.C.; MARUYAMA, W.I.; TOMQUELSKI, G. Seletividade de inseticidas sobre predadores entomófagos na cultura da soja. Cultura Agronômica, Ilha Solteira-SP, v. 22, n. 2, p. 155-161, 2013.

(11) MARTINS, G. L. M.; TOMQUELSKI, G.; PAPA, G. Aplicação de acybenzolar-s-methyl em algodoeiro para controle de Aphis gossypii (Glover) e Ramularia areola (Atkinson). Revista de Agricultura Neotropical, Cassilândia-MS, v. 2, n.1, p. 53-59, 2015.

(12) RETNAKARAN, A.; GRANETT, J.; ENNIS, T. Insect growth regulators. In: KERKUT, G. A.; GILBERT, L. I. Comprehensive insect physiology biochemistry and pharmacology. New York: Pergamon, 1985. Cap. 12, p. 529-601.

(13) REYNOLDS, S. E. The cuticule, growth regulators and moulting in insects: the essential background to the action of acylurea insecticides. Pesticide Science, Chichester, v. 20, n. 2, p. 131-146, 1987.

(14) SILVA, M. T. B.; COSTA, E. C.; BOSS, A. Controle de Anticarsia gemmatalis Huebner (Lepidoptera: Noctuidae) com reguladores de crescimento de insetos. Ciência Rural, Santa Maria-RS, v. 33, n. 4, p. 601-605, 2003.

(15) SOSA-GÓMEZ, D. R. Essa lagarta gosta de soja. Cultivar Grandes Culturas, Pelotas-RS, v.2, n.12, p.40-42, 2000.

(16) TOMQUELSKI, G. V.; MARTINS, G. L. M. Eficiência de inseticidas sobre Spodoptera frugiperda (J. E. Smith, 1797) (Lepidoptera: Noctuidae) em milho na região dos Chapadões. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, Sete Lagoas-MG, v. 6, n. 1, p. 26-39, 2007.

(17) TOMQUELSKI, G. V.; MARTINS, G. M. Amostragem de pragas da soja. Pesquisa, Tecnologia e Produtividade, Chapadão do Sul-MS, v. 1, n. 6, p. 44-46, 2012.

(18) TOMQUELSKI, G.V.; MARTINS, G. L. M.; DIAS, T. S. Características e manejo de pragas da cultura da soja. Pesquisa, Tecnologia e Produtividade, Chapadão do Sul-MS, v. 2, n. 9, p. 61-82, 2015.

(19) UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA. SAEG. Sistemas de análises estatísticas e genéticas. Versão 8.0. Viçosa-MG, 2001. 301 p. (Manual do usuário).




DOI: https://doi.org/10.32404/rean.v2i4.396

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 JOURNAL OF NEOTROPICAL AGRICULTURE

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.