Notas sobre interlíngua

Sírio Possenti

Resumo


Dentre os diversos conceitos “novos” propostos por Maingueneau está o de interlíngua. Inicialmente associado ao discurso literário, campo em que o fenômeno é mais significativo, mais tarde foi explorado em outros discursos institucionais, como o da ONU. O conceito pretende dar conta de diversos fatos, entre os quais o mais geral é que um escritor (ou uma Instituição) não enuncia simplesmente em uma língua, nacional ou não, mas, conforme a escola ou mesmo uma “escolha” pessoal, produz uma obra cujo registro é peculiar. Os casos mais interessantes são os dos escritores que constroem uma língua, como Joyce e Guimarães Rosa, seguidos daqueles em que a linguagem é uma “mistura” complexa de variedades, e seguidos de fenômenos como a “escolha” de uma variedade nacional. A partir deste conceito, ensaia-se uma análise da poesia de Manoel de Barros.


Texto completo:

PDF

Referências


AGAMBEN, G. Sobre a dificuldade de ler. In: Revista Cult, ed. 180, 2013, s.p.. Disponível em https://revistacult.uol.com.br/home/sobre-a-dificuldade-de-ler/?fbclid=IwAR2Ov3iP_5THqZw8YbcfKiUBq1ELmuASRh6xpg37XAgWUk13W6fTKWbV4oA. Acesso em 5 jun. 2020.

AMORIM, C. M. da S; ROCHA, L. H. P. da; COSTA, M. J. A linguagem da bula: um estudo de estruturas linguísticas do gênero. Revista Letrônica, v. 8, n. 2, p. 467-479, jul.-dez. 2015. Disponível em http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/ letronica/article/view/20401/1385z8. Acesso em 5 jun. 2020.

FISCHER, H. Clareza em textos de e-gov: uma questão de cidadania. Rio de Janeiro: Com Clareza, 2018.

GADET, F; PECHEUX, M. A língua inatingível. Campinas: Pontes, 2004 [1981].

MAINGUENEAU, D. O contexto da obra literária. São Paulo: Editora Martins Fontes, 1995 [1993].

MAINGUENEAU, D. Discurso literário. São Paulo: Editora Contexto. 2005 [2006].

MAINGUENEAU, D. O discurso das organizações internacionais: um discurso constituinte? In: POSSENTI, Sirio; SOUZA-E-SILVA. Maria Cecília Perez de. (orgs.). Cenas da enunciação. São Paulo: Parábola. 2006 [2008], p. 137–150.

MAINGUENEAU, D. Variações sobre ethos. São Paulo: Parábola, 2020.

PINKER, S. The Sense of Style: The Thinking Person's Guide to Writing in the 21st Century. New York: Viking, 2014. Print.

SILVA, C. S. Manoel de Barros: sem margem com as palavras. In: Fragmentos de Cultura. Goiânia: v. 19, n. 7/8, p. 541-550, jul./ago. 2009, Acessível em www.seer.pucgoias.edu.br/fragmentos/article/viewFile. Acesso em 5 jun. 2020.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Acessos desde 02/07/2020:

contador free