Graciliano Ramos: histórias de uma vida, uma vida de histórias

Visualizações: 41

Autores

  • Helton Marques

Palavras-chave:

Graciliano Ramos; biografia; História.

Resumo

Graciliano Ramos era um escritor bastante cuidadoso quanto à forma e reescrevia seus livros sem cessar, só os publicando quando estivessem enxutos, livres de quaisquer excessos. Seus textos literários trazem não somente o estilo “seco”, apurado e preciso do autor alagoano, mas também representam o contexto sócio-histórico brasileiro da primeira metade do século XX. De modo geral, a crítica literária aponta a tênue linha fronteiriça que divide, de certa forma, a obra do escritor em narrativas autobiográficas/memorialistas e ficcionais, uma vez que re(a)presentam aspectos de sua própria vida, conforme demonstram vários excertos destacados, sobretudo, de algumas entrevistas concedidas por Graciliano e de cartas escritas pelo autor. Tendo isso em vista, este artigo tem como principal objetivo desenvolver, a partir de pesquisa bibliográfica, uma breve biografia revisada de Graciliano Ramos, destacando os principais episódios da vida de um dos mais importantes autores do Modernismo brasileiro.

Referências

BROCA, Brito. Vidas secas: Uma palestra com Graciliano Ramos – O sertanejo da zona árida – O homem no seu habitat. In: LEBENSZTAYN, Ieda; SALLA, Thiago Mio (Org.). Conversas – Graciliano Ramos. Rio de Janeiro: Record, 2014, p. 66-72.

CONDÉ, José. Graciliano Ramos. In: LEBENSZTAYN, Ieda; SALLA, Thiago Mio (Org.). Conversas – Graciliano Ramos. Rio de Janeiro: Record, 2014, p. 81-87.

FACIOLI, Valentim. Um homem bruto da terra (Biografia intelectual). In: GARBUGLIO, José Carlos et al. Graciliano Ramos. São Paulo: Ática, 1987, p. 23-106. (Coleção Escritores Brasileiro - Antologia e estudos).

FACÓ, Ruy. Graciliano Ramos, escritor do povo e militante do PC. In: LEBENSZTAYN, Ieda; SALLA, Thiago Mio (Org.). Conversas – Graciliano Ramos. Rio de Janeiro: Record, 2014, p. 157-163.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986.

GARBUGLIO, José Carlos et al. Graciliano Ramos. São Paulo: Ática, 1987. (Coleção Escritores Brasileiros - Antologia e estudos).

LEBENSZTAYN, Ieda; SALLA, Thiago Mio (Org.). Conversas – Graciliano Ramos. Rio de Janeiro: Record, 2014.

LINS, Álvaro. Valores e misérias das Vidas Secas. In: RAMOS, Graciliano. Vidas secas. São Paulo: Martins, 1974.

MORAES, Dênis de. O Velho Graça: uma biografia de Graciliano Ramos. São Paulo: Boitempo, 2012.

RAMOS, Graciliano. Cartas. Rio de Janeiro: Record, 1994a.

________________. Insônia. São Paulo: Record, 1986.

________________. Linhas Tortas. São Paulo: Record, 1994b.

________________. Viagem. São Paulo: Record, 1994c.

________________. Viventes das Alagoas. São Paulo: Record, 1994d.

RAMOS, Ricardo. Graciliano: retrato fragmentado. São Paulo: Siciliano, 1992.

SENNA, Homero. Revisão do Modernismo. In: BRAYNER, Sonia (Org.). Graciliano Ramos (Coleção Fortuna Crítica). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1978, p. 46-59.

SILVEIRA, Joel. Conversas com Graciliano Ramos. In: LEBENSZTAYN, Ieda; SALLA, Thiago Mio (Org.). Conversas – Graciliano Ramos. Rio de Janeiro: Record, 2014, p. 73-80.

Downloads

Publicado

2023-05-28

Como Citar

Marques, H. (2023). Graciliano Ramos: histórias de uma vida, uma vida de histórias. REVISTA ESTUDOS EM LETRAS, 3(1), 8–29. Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/estudosletras/article/view/7281