Mapeamento sobre a Série Vaga-Lume na produção acadêmico-científica brasileira (2000-2021)

Visualizações: 12

Autores

Palavras-chave:

: “Pesquisa histórica em Educação”

Resumo

Neste texto, apresentam-se resultados parciais de pesquisa de Mestrado em Educação desenvolvida junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Unidade Universitária de Paranaíba, na linha de pesquisa “História, Sociedade e Educação”, vinculada ao Grupo de Estudos e Pesquisas em História e Historiografia da Educação (GEPHEB), cujo objetivo é realizar um mapeamento da produção acadêmico-científica brasileira sobre a Série Vaga-Lume, publicada pela Editora Ática, desde 1973. Deste modo, nesse primeiro momento tencionou-se compreender e explicar as materialidades que constituem a Série Vaga-Lume ao longo de sua história, além de localizar, organizar e sistematizar aspectos da produção acadêmico-científica brasileira sobre a Série por meio de tabelas e quadros segundo as normas da ABNT- NBR 14724:2011, que por sua vez, remete às Normas de Apresentação Tabular do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE (1993). No que diz respeito à metodologia de pesquisa, visto que se procura compreender e explicar a materialidade que constitui a Série, optou-se pela pesquisa de caráter descritivo-analítico balizada, sobretudo, pelo pensamento de Roger Chartier de perspectiva da História Cultural.  Por outro lado, busca-se fazer um mapeamento sobre a Série Vaga-Lume ainda não realizado nos últimos 50 anos, destacando assim, em quais regiões do Brasil foram feitas essas pesquisas, quais instituições, quais as áreas de conhecimento, quais os anos de defesa, autor e orientador e quais os programas de origem dessas produções. Entre os resultados iniciais desta pesquisa, compreendeu-se que a Série Vaga-Lume merece atenção e análise, seja por seu caráter ambíguo, seja por sua longevidade, seja por ter contribuído à sua maneira para a formação de leitores em determinado tempo e lugar em uma realidade histórica e social.

Biografia do Autor

Estela Natalina Mantovani Bertoletti, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul

Pós-Doutora em Educação pela UNESP. Professora Associada da Universidade Estadual de Mato
Grosso do Sul (UEMS).

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR6023. Informação e

documentação: referências: elaboração. Rio de Janeiro, 2002.

______. NBR 14724. Informação e documentação: trabalhos acadêmicos: apresentação. 2.ed. Rio de Janeiro, 2011.

CASARIN. Com livros inéditos, Coleção Vaga-Lume volta a emitir alguma luz. Revista Online Uol Página Cinco, 2020). Disponível em: https: /www.uol.com.br/splash/colunas/pagina-cinco/2020/10/27>/com-livros-ineditos-colecao-vaga-lume-volta-a-emitir-alguma-luz.htm. Acesso em: 27/05/2022 as 21:05.

CHARTIER, Roger. O mundo como representação. Estudos avançados. São Paulo: USP, vol. 5, n. 11, 1991. p. 173-191. Disponível em:< http://www.revistas.usp.br/eav/article/view/8601/10152>

JESSICA. Os 15 melhores livros da Coleção Vaga-Lume. Revista Bula, 2020. Disponível em: <https://www.revistabula.com/14383-os-15-melhores-livros-da-colecao-vaga-lume/>. Acessado em: 27/05/2022 as 21: 40

Publicação: Diário Oficial da União - Seção 1 - 12/8/1971, Página 6377 (Publicação Original)

Coleção de Leis do Brasil - 1971, Página 59 Vol. 5 (Publicação Original)

SÉRIE VAGA-LUME. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikipédia Foundation, 2022. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=S%C3%A9rie_Vaga-Lume&oldid=63669133>. Acesso em: 27 mai. 2022.

TAKAHASHI, ADEMIR E CARLOS. Jiro Takahashi, criador da Coleção Vaga-Lume e lenda do mercado editorial, fala sobre sua carreira e trajetória. Revista Bula, 2021. Disponível em: https://www.revistabula.com/40583-jiro-takahashi-criador-da-colecao-vaga-lume-e-lenda-do-mercado-editorial-fala-sobre-sua-carreira-e-trajetoria/ Acesso em: 18/05/2021 as 17: 51.

Downloads

Publicado

2024-04-23

Como Citar

Aguiar, J., & Mantovani Bertoletti, E. N. (2024). Mapeamento sobre a Série Vaga-Lume na produção acadêmico-científica brasileira (2000-2021). REVISTA ESTUDOS EM LETRAS, 4(1). Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/estudosletras/article/view/7393

Edição

Seção

Artigos