Um levantamento dos espaços virtuais produzidos por povos indígenas em Mato Grosso do Sul

Visualizações: 15

Autores

Palavras-chave:

ciberespaço; letramentos, povos indígenas, Mato Grosso do Sul.

Resumo

Este trabalho propôs-se a levantar e descrever os espaços virtuais produzidos e alimentados por entidades indígenas não-governamentais no estado de Mato Grosso do Sul entre os anos de 2020 e 2021. Entendemos tais espaços virtuais como artefatos culturais constitutivos de práticas de letramento (STREET, 1984; KLEIMAN, 1995) jornalístico e cultural, sobretudo. São realizadas discussões em torno da noção de ciberespaço (LÉVY, 1999) e da função dialógica da linguagem (BAKHTIN, 2014), precisamente para refletir sobre o uso social e situado da escrita. Observamos aqui como os conteúdos veiculados nos espaços identificados se organizam e se há, entre eles, algum tipo de interrelação. Com isso, contribuímos para novas possibilidades de leitura e de composição social das comunidades indígenas envolvidas.

Biografia do Autor

Paulo Gerson Rodrigues Stefanello, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul

Doutor em Linguística. Professor na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS)

Referências

BAKHTIN, Mikahil. Marxismo e filosofia da linguagem. São Paulo: Hucitec, 2014[1929].

BARTLETT, Lesley. To seem and to feel: situated identities and literacy practices. Teachers College Record. Columbia University, v. 109, n. 1, jan 2007.

CASTELLS, Manuel. A Era da Informação: economia, Sociedade e Cultura – a sociedade em rede. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

KLEIMAN, Angela (org.). Os significados do letramento: uma nova perspectiva sobre a prática social da escrita. Campinas, SP: Mercado de Letras, 1995, p. 15-61.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 1999.

LUKE, A. Text and discourse in education: an introduction to critical discourse analysis. Rewiew of Research in Education, v. 21, 1996.

STREET, Brian. Literacy in theory and practice. Cambridge: CUP, 1984.

STREET, Brian; BAGNO, Marcos. Perspectivas interculturais sobre o letramento. Filologia e Linguística Portuguesa, Brasil, n. 8, p. 465-488, ago. 2006.

STROBEL, Karin. As imagens do outro sobre a cultura surda. Florianópolis: Editora da UFSC, 2008.

Downloads

Publicado

2024-04-23

Como Citar

Rodrigues Stefanello, P. G. (2024). Um levantamento dos espaços virtuais produzidos por povos indígenas em Mato Grosso do Sul. REVISTA ESTUDOS EM LETRAS, 4(1). Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/estudosletras/article/view/8740

Edição

Seção

Artigos