O ESTÁGIO DE DOCÊNCIA E SUAS POSSIBILIDADES: APRENDER A SER PROFESSORA DE BEBÊS

Autores

Resumo

Dentre as diversas etapas do curso de Pedagogia, consideramos que o estágio de docência se constitui em um tempo diferenciado, de inquietações, incertezas e medos, um espaço de intensas reflexões e também de valiosas aprendizagens. Trazemos neste texto, o relato de uma experiência com os bebês. Entendemos que tratar de educação dos bebês nas instituições educativas para além dos cuidados básicos de saúde e bem-estar é tema recente. Dialogamos sobre o estágio e sua possibilidades de auxiliar a afinar o olhar para a prática pedagógica significativa com e para os bebês, entendendo seu potencial e suas especificidades. Ressaltamos ainda a importância de uma consistente formação do professor que possibilite o entendimento sobre as crianças, tal formação perpassa a intensidade e o significado das reflexões e experiências do estágio de docência.

Biografia do Autor

Aline Aparecida de Castro, Mestranda em Educação - UEPG

Pedagoga, mestranda em Educação - UEPG

Daiana Camargo, Universidade Estadual de Ponta Grossa PR

Doutora em Ciências da Educação - UNLP-AR. Professora do Departamento de Pedagogia da Universidade Estadual de Ponta Grossa - PR

Referências

ARCE, A. Documentação oficial e o mito da educadora nata na educação infantil. . Cadernos de Pesquisa. n.113, p.167-184, jul. 2001. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/cp/n113/a09n113.pdf>. Acesso em: 29 de setembro de 2017.

BARBOSA, M. C. Especificidades da ação pedagógica com bebês. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/docman/dezembro-2010-pdf/7154-2-2-artigo-mec-acao-pedagogica-bebes-m-carmem/file>. Acesso em: 27 de setembro de 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Diretrizes curriculares nacionais para a educação infantil / Secretaria de Educação Básica. – Brasília : MEC, SEB, 2010.

CARVALHO, R. S. de; RADOMSKI L. L. Imagens da docência com bebês: problematizando narrativas de professoras de creche. Série-Estudos, Campo Grande, MS, v. 22, n. 44, p. 41-59, jan./abr. 2017.

FREIRE, P. Professora sim, tia não: cartas a quem ousa ensinar. Editora Olho d'água, São Paulo, 1997.

HOYUELOS, A. (2008). Los tiempos de la infancia. Revista Temps per créixer, 15-30.

KAERCHER, G. E. P. da S. Literatura Infantil e Educação Infantil: um grande encontro. s/d. p. 135-142. Disponível em: <https://acervodigital.unesp.br/bitstream/123456789/453/4/01d14t10.pdf>. Acesso em: 28 de setembro de 2017.

LAROSSA, J. Tremores: escritos sobre experiências. Belo Horizonte: Autentica, 2016.

LIMA, M. S. L. Reflexões sobre o estágio/prática de ensino na formação de professores. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v.8, n.23, 2008, p. 196-205, jan.-abr. 2008.

OSTETTO, L. E.; MAIA, M.N.V.G. Nas veredas do estágio docente: (re)aprender a olhar. Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 22, p. 1-14, e-2019.209209218555, 2019.

PEROZA, M.A.R.; CAMARGO, D. A experiência de encontro entre sujeitos aprendentes: aspecto da formação docente vivenciado no estágio supervisionado em docência na educação infantil, Revista de Educação, Ciência e Cultura, Canoas, v. 24, n. 1, p. 85-98, mar. 2019 http://dx.doi.org/10.18316/recc.v24i1.4595

ROCHA, E. A. C.; OSTETTO, L. E.. O estágio na formação universitária de professores de educação infantil. In: SEARA, I. C.; DIAS, M. de F. S.; OSTETTO, L. E.; CASSIANI, S. (Orgs). Práticas pedagógicas e estágios: Diálogos com a cultura escolar. Florianópolis: Letras Contemporânea, 2008. p. 103-116.

SANTOS, M. O. dos. O lugar dos bebês e de suas infâncias nas práticas pedagógicas em instituições do Proinfância. Seminário de Grupos de Pesquisa sobre Crianças e Infâncias - IV GRUPECI. Universidade Federal de Goiás - Goiás, 2014. Disponível em:<http://www.grupeci.fe.ufg.br/up/693/o/TR51.pdf>. Acesso em: 26 de setembro de 2017.

ZIMMERMANN, A. Explorando as ilustrações de livros infantis: suas possíveis leituras. In: GRUPO DE PESQUISA ARTE E EDUCAÇÃO (GPAE). Florianópolis: Udesc, [s.d].

Downloads

Publicado

23/02/2021

Como Citar

Castro, A. A. de, & Camargo, D. (2021). O ESTÁGIO DE DOCÊNCIA E SUAS POSSIBILIDADES: APRENDER A SER PROFESSORA DE BEBÊS. IPÊ ROXO, 3(1), 1–17. Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/iperoxo/article/view/4900

Edição

Seção

Relatos de Experiência