O TRATAMENTO DADO À VARIAÇÃO LINGUÍSTICA EM LIVROS DIDÁTICOS DE LÍNGUA PORTUGUESA

Visualizações: 11

Autores

  • Alceane Bezerra Feitosa UFPI
  • Júlia Maria Muniz Andrade UFPI
  • Karla Dayane Silva Monteiro UFPI
  • Catarina de Sena Sirqueira Mendes da Costa UFPI

Palavras-chave:

Livro Didático, Variação Linguística, Sociolinguística

Resumo

O livro didático de Língua Portuguesa (LDP) é o principal instrumento de ensino nas escolas, ele é, em muitos casos, o único instrumento utilizado para a transmissão dos conhecimentos a respeito da língua. Diante desse aspecto, cumpre-se investigar como o livro didático de Língua Portuguesa de autoria de William Roberto Cereja e Thereza Cochar Magalhães, aprovado pelo Plano Nacional do Livro Didático (PNLD), aborda os aspectos da variação linguística, sabendo que para um dado livro de LP seja aprovado, o mesmo deve apresentar em suas páginas, além de outros aspectos, os aspectos de variação e heterogeneidade linguística. Para tal verificação, o trabalho se ancorou na metodologia proposta por Lima (2014), a qual sugere quatro questões com o intuito de verificar a presença da variação linguística em livros didáticos de Língua Portuguesa. Além de Lima (2014), utilizou-se outros teóricos que deram sustentação em nossas discussões, dentre eles, Soares (1997); Brasil (1998, 2016); Mollica (2015); Faraco (2008, 2015); Cecílio e Matos (2006) Coracini (1999), Silva e Carvalho (2013) Coelho (2007), Manini (2009); Rodrigues (2010); Cavaliere (2014) e Martins, Vieira e Tavares (2014). Após as análises, foi possível verificar que o tema da variação linguística aparece na obra, não de forma esperada, mas apenas em uma seção destinada à variação linguística e esporadicamente em alguns exercícios ao longo do livro, evidenciando mais uma vez a inserção da temática de livros de LP apenas para o cumprimento de uma norma do PNLD.

ABSTRACT: the textbook of Portuguese Language (LDP) is the main instrument of education in our schools, it is, in many cases, the only instrument that our teachers use for the transmission of knowledge about the language. In this aspect, investigate how the textbook of LP by William Robert Cherry and Thereza Cochar, approved by national plan of the Textbook (PNLD), discusses aspects of linguistic variation, knowing that for a given book of LP is approved, the same shall present in its pages, in addition to other aspects, aspects of variation and linguistic heterogeneity. For such verification, leaned on the methodology proposed by Lima (2014), in which the same suggests four questions in order to verify the presence of linguistic variation in Portuguese Language textbooks. In addition to Lima (2014), other theorists who have given support in our discussions, including Shah (1997); Brazil (1998, 2016); Mollica (2015); Faraco (2008, 2015); Caecilius and Matos (2006) Coracini (1999), Silva and Carvalho (2013) Rabbit (2007), Manini (2009); Rao (2010); Cavaliere (2014) and Malik, Vieira and Tavares (2014). After analysis, it was possible to verify that the subject of linguistic variation appears in the work, not expected, in all the construction, i.e. in all sections, but only in isolated sections, designed specifically to the treatment of variation, demonstrating once again that the LP books, just insert the subject to compliance with a norm of the PNLD for it to be approved.

KEYWORDS: Didactic Book. Linguistic Variation. Sociolinguistics.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alceane Bezerra Feitosa, UFPI

Especialista e Mestrando do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal do Piauí- UFPI. Email: alceano_bezerra2@hotmail.com

Júlia Maria Muniz Andrade, UFPI

Especialista e Mestranda do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal do Piauí- UFPI. Email: juliam_andrade@hotmail.com

Karla Dayane Silva Monteiro, UFPI

Mestranda do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal do Piauí- UFPI. Professora da Faculdade Internacional do Delta na área da linguagem e tutora de Educação a Distância da Faculdade Maurício de Nassau-Parnaíba. Email: karladayanemonteiro@gmail.com

Catarina de Sena Sirqueira Mendes da Costa, UFPI

Professora Doutora da Universidade Federal do Piauí- UFPI. Email: costacatarina@uol.com.br

Downloads

Publicado

26-06-2018

Como Citar

Feitosa, A. B., Andrade, J. M. M., Monteiro, K. D. S., & Costa, C. de S. S. M. da. (2018). O TRATAMENTO DADO À VARIAÇÃO LINGUÍSTICA EM LIVROS DIDÁTICOS DE LÍNGUA PORTUGUESA. WEB REVISTA SOCIODIALETO, 8(22 SER. 2), 232–254. Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/sociodialeto/article/view/7855

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.