DISCUTINDO ESPAÇOS PÚBLICOS DE CIDADES DO NORTE MINEIRO: DIFERENCIAIS TEÓRICOS E SUAS PRODUÇÕES PARA UMA COMPREENSÃO GEOGRÁFICA

Carlos Alexandre de Bortolo, Maria Vitória Xavier Dias Rocha

Resumo


As cidades contemporâneas, assim como os espaços públicos, sofreram modificações em sua estrutura econômica, física e espacial com o passar dos anos. O presente trabalho analisa o contexto histórico e atual dos espaços públicos, sem adentrar nas novas ocupações dos mesmos, a partir dos delineamentos dispostos, a esfera pública literária e burguesa de Habermas, os espaços públicos contemporâneos e da dicotomia dos espaços públicos e privados. Buscou-se um aprofundamento conceitual sobre a temática para futuros estudos e versando sobre possíveis realidades de espaços públicos do Norte Mineiro. É perceptível no cenário atual, diferentes morfologias de espaços públicos, e uma recorrente desapropriação dos mesmos, em virtude de vários fatores externos, como a violência, o consumo e novos espaços privatizados como espaços de lazer, dentre outros.  


Texto completo:

PDF

Referências


ARENDT, Hannah,. A condição humana. 10. Ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2005. ISBN 85-218-0255-2

FERREIRA, Calebe da Costa, et al. Análise da evolução da metodologia utilizada nos artigos publicados na revista: contabilidade & finanças. – USP. XXII Semead - Empreendedorismo e inovação, São Paulo. 2009.

FERRARI, Celson. Dicionário de Urbanismo. São Paulo: Disal, 2004. (consulta de conceitos)

GEHL, Jan. Cidades Para Pessoas. Tradução: Anita Di Marco. São Paulo: Perspectiva, 2013.

HABERMAS, Jürgen. Direito e democracia – entre facticidade e validade. II vols. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 2003.

_________________. Mudança estrutural da esfera pública. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1984.

JACOBS, Jane. Morte e Vida de Grandes Cidades. 2ªed. São Paulo: Ed. WMF Martins Fontes, 2009. Coleção MUNDO DA ARTE.

JODELET, Denise. A cidade e a memória. In> DEL RIO, V.; DUARTE, C.R.; RHEINGANTZ, P.A. (Orgs). Projeto do lugar: colaboração entre psicologia, arquitetura e urbanismo. Rio de Janeiro: Contracapa/PROARQ, 2002.

KRITSCH, Raquel. Publicidade e esfera pública nos escritos políticos de Habermas dos anos 1960: do princípio ao espaço social. Revista Urutágua – acadêmica multidisciplinar – DCS/UEM, nº24 – maio/junho/julho/agosto de 2011 – ISSN 1519-6178.

MARTINS, Fabio Peres de Berredo. Da esfera pública burguesa à nova ordem social: o papel dos media. Disponível em: ,s.a, acesso em 05 Set. 2017

SERPA, Angelo. O espaço público na cidade contemporânea. São Paulo: Contexto, 2007.

SILVA, Felipe Carreira da. Espaço Público em Habermas.2001, Cambrigde. Disponível em: < http://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/22584/1/ICS_FCSilva_Espaco_LAN.pdf> , acesso: 30 Set. 2017

SILVA, Luise Martins da. ESPAÇO PÚBLICO E CIDADANIA. Uso e Manifestações Urbanas. Rio de Janeiro: UFRJ/FAU, 2009.

OLIVEIRA, Luiz Ademir de; FERNANDES, Adélia Barroso. Espaço público, política e ação comunicativa a partir da concepção habermasiana. Revista Estudos Filosóficos nº 6 /2011 – versão eletrônica – ISSN 2177-2967. DFIME – UFSJ - São João del-Rei-MG Pág. 116-130 . Disponível em: , acesso: 02 de Set. 2017

OLIVEIRA, Vânia Aparecida Rezende de. Mudança estrutural da esfera pública: investigações quanto a uma categoria da sociedade burguesa. CADERNOS EBAPE. BR, v. 8, nº 4, artigo 12, Rio de Janeiro, Dez. 2010 p. 784-788.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 GEOFRONTER

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.