ADAPTAÇÕES DO ESPANHOL PARA O PORTUGUÊS COM O USO DE HISTÓRIAS EM QUADRINHOS COMO RECURSO PEDAGÓGICO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DA AQUISIÇÃO DA LÍNGUA ESTRANGEIRA

Gracyella Gonzaga Arantes, Letícia de Oliveira, Nataniel dos Santos Gomes

Resumo


O cartunista Joaquín Salvador Lavado sob o pseudônimo de Quino publicou, primeiramente, em jornais de 1964 até 1973 e, posteriormente, em forma de livros, foi o criador da personagem Mafalda conhecida por ser muito preocupada com as questões de humanidade que teve como língua de origem o Espanhol e depois quebrou as barreiras das fronteiras pela América Latina e pela a Europa com a tradução de suas tirinhas e Histórias em Quadrinhos (HQs) alcançando e conquistando também público-alvo de várias faixas etárias no Brasil. O gênero história em quadrinhos é composto por tiras, charges e/ou cartuns – rico em humor, ironia, intertextualidade, etc., no processo de leitura, possibilita ao aluno fazer inferências para compreender o sentido do texto (KOCK, 2007). É importante salientar a importância de utilizar as HQs como recurso didático em sala de aula devido a sua forma diversificada de permitir a abordagem de qualquer tema de forma mais prazerosa também em língua estrangeira. As histórias em quadrinhos (HQs) podem gerar uma ampla possibilidade de recursos didáticos; este gênero por ser um texto curto e porque podem ser utilizados, por exemplo, para o ensino das estruturas linguísticas, aquisição de vocabulário em geral, além de oferecer muitos elementos culturais como tradições e costumes de diferentes lugares do mundo e suas variantes linguísticas facilitando a aprendizagem de outra língua até então desconhecida pelo aluno. Outro ponto importante, é que o uso da arte sequencial na sala de aula traz para o aluno uma visão mais global do mundo, os alunos que lêem quadrinhos podem verificar em uma história vários aspectos visuais, que podem ser abordados de várias disciplinas, deixando de lado a “educação bancária” (FREIRE, 2006) que é exercida na maioria das escolas, onde o aluno apenas é um depósito de informações colocadas pelo professor, não dando espaço para a autonomia do aluno.

Palavras-chave


Tradução. Histórias em Quadrinhos. Recurso Pedagógico. Língua Estrangeira.

Texto completo:

PDF

Referências


BAHLS, T. M.; KRAUSE-LEMKE. C.: O Voseo na Argentina: uma análise de seu percurso histórico e contextos de uso a partir de histórias em quadrinhos de Mafalda.

Hispanista (Edição em Português), v. XI, p. 1-11, 2010. Disponível em:

Acessado em: 9 de outubro de 2016

BRASIL, Ministério da Educação. PCN-Ensino Médio. Disponível em . Acesso em 09 de Outubro de 2016

BRASIL, Ministério da Educação. PCN+ Ensino Médio – Linguagens Códigos e suas Tecnologias. Disponível em . Acesso em 09 de outubro de 2016.

CALAZANS, F. M. de A. História em quadrinhos na escola. São Paulo: Paulus, 2004

CARVALHO, DJ. A Educação está no Gibi. Campinas, SP: Papirus, 2006

ECO, Humberto. Mafalda, o sobre el rechazo. In. Marcelo Ravoni. Barcelona: Lumen, 1992.

EISNER, Will. Quadrinhos e arte sequencial. Trad. Luis Carlos Borges. 2º Edição. São Paulo: Martins Fortes, 1995

FRANZ, Teresinha, Sueli; GENTILLE, P. “Para ler e entender videogames”. Revista Nova Escola, São Paulo, v.161, abril 2003. Disponível em:

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: Saberes a Prática Educativa. 34. ed. São Paulo: Paz e Terra. 1996

GARCÍA, Santiago. A novela Gráfica. Trad. Magda Lopes. – São Paulo: Martins Fontes, 2012.

HERNÁNDEZ, Fernando. Cultura Visual, Mudança Educativa e Projeto de Trabalho. São Paulo: Artes Médicas, 2000

KOCH, Ingedore G. Villaça. O texto e a construção de sentidos. São Paulo: Contexto, 2007

LUYTEN, s. O que é história em quadrinhos?. São Paulo: Brasiliense, 1985.

MENDONÇA, M.R. de S. Um gênero quadro a quadro: a história em quadrinhos. In: 4 ed. Rio de Janeiro: Lucerna, 2005

NETO, Elydio dos Santos. SILVA, Marta R. Paulo da. Histórias em quadrinhos e educação: históricos e perspectivas in: NETO, Elydio dos Santos. SILVA, Marta R. Paulo da. História em Quadrinhos & Educação – Formação e pratica docente. São Bernardo do Campo: Metodista, 2011.

RAMOS, Paulo. A leitura dos quadrinhos. São Paulo: Contexto, 2009

RAMOS, Paulo. A leitura dos quadrinhos. São Paulo: Ed Contexto. Coleção Linguagem & Ensino. 2012

SILVA, João Nelson. HQ nos Livros Didáticos. Org: LUYTEN, Sonia Maria Bibe. História

em Quadrinhos: Leitura Crítica. São Paulo: Paulinas, 1985

VERGUEIRO, Waldomiro; RAMA, Ângela (org). Como usar as histórias em quadrinhos em sala de aula. 4 ed. São Paulo: Contexto. 2010.

https://www.puc-rio.br/vestibular/repositorio/provas/2006/espanhol-todos.html/ acesso em 12/10/16 14:26.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 GEOFRONTER

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.