O DESENVOLVIMENTO CAPITALISTA E A EVOLUÇÃO DAS CIDADES

Germano Kawey Ferracin Hamada

Resumo


A cidade sempre foi ambiente de várias transformações e lutas de classes, pensar o seu desenvolvimento nos leva a pensar não somente de forma temporal, mas também a partir das relações entre desenvolvimento industrial e refinamento das necessidades pessoais. O desenvolvimento capitalista advindo das revoluções industriais, proporcionou um grau de desenvolvimento técnico-científico que transformou cidades antes isoladas a se conectar a partir de redes de relações de extensões globais, dada a facilidade de transmissões de dados e escoamentos de mercadorias. É a partir desse contexto que o presente trabalho busca traçar considerações acerca do desenvolvimento capitalista e a evolução do espaço geográfico, buscando colaborar para o entendimento das cidades em suas relações capitalistas como nos dias de hoje são.

Palavras-chave


Capitalismo; Urbanização; Sociedade.

Texto completo:

PDF

Referências


Atlas do Desenvolvimento Humano. Disponível em: < http://www.atlasbrasil.org.br/2013/pt/consulta/ > Acessado em junho de 2019.

CARLOS, A. F. A. Espaço e Indústria. São Paulo: Contexto, 2001.

CORRÊA, R. L. Espaço, um conceito chave da Geografia. In: Geografia: conceitos e temas. CASTRO, Iná Elias de, GOMES, P. C. da C; CORRÊA, R. L. (Orgs.). Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1995, p. 15-47.

DIAS, L. C. Redes; emergência e organização. In: CASTRO. I.E., de. ET. AL. Geografia: conceitos e temas. 1º edição, Rio de Janeiro: Editora Bertrand, 2007, p. 141-162.

GOTTDIENER, Mark. O debate sobre a teoria do espaço. A produção social do espaço urbano. São Paulo, EDUSP, 1993, p.120-158.

IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua - PNAD Contínua. Disponível em: Acessado em junho de 2019.

MAIA, A. G. BUAINAIN, A. M. Pobreza objetiva e subjetiva no Brasil, Confins [Online], 13 | 2011, posto online no dia 30 novembro 2011, consultado o 11 julho 2019. URL: http://journals.openedition.org/confins/7301; DOI : 10.4000/confins.7301

MARTINS, Sérgio. Crítica à economia política do espaço. In: O Espaço no fim de século: a nova raridade. In: DAMIANI, Amélia L, CARLOS, Ana F. A., SEABRA, Odete C de L. (Orgs.). São Paulo: Contexto, 1999. p.13-41.

MOREIRA, RUY. O espaço e o contra espaço: as dimensões territoriais da sociedade civil e do Estado, do privado e do público na ordem espacial burguesa. In: Território. Território(s). Programa de Pós-graduação em Geografia – PPGEO. UFF/AGB, Niterói, 2002, p. 49-67.

PÊGO FILHO, Bolívar. CÂNDIDO JUNIOR, José O. PEREIRA, Francisco. Investimento e Financiamento da Infraestrutura no Brasil: 1990/2002. Brasília, 1999. Disponível em: < http://www.ipea.gov.br/pub/td/1999/td_0680.pdf>. Acesso em: 15 fev. 2011.

SANDRONI, P. Novíssimo dicionário de economia. São Paulo: Best Seller, 1999.

SANTOS, Milton. Sociedade e espaço: a Formação Social como teoria e como método. Boletim Paulista de Geografia, n.54, p. 81-99, 1977.

SANTOS, M. Silveira, M. L. Brasil: território e sociedade no inicio do século XXI. São Paulo: Hucitec, 2001.

SPOSITO, M. E. B. Produção do espaço urbano: notas para um debate. [Texto mimeografado].

SPOSITO, M. E. B. Capitalismo e Urbanização. São Paulo: Contexto, 2008.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 GEOFRONTER

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

GEOFRONTER - ISSN 2447-9195