SUBSÍDIOS AOS ESTUDOS PARA A DELIMITAÇÃO DAS ÁREAS DE ALIMENTAÇÃO DE NASCENTES: PLANALTO DE MARACAJU-CAMPO GRANDE (BR-262 MS 080)

Valter Guimarães, Cassia Julita Dresh, Mary Beatriz Ibarra Prado Albuquerque, Paola Bueno Quirino

Resumo


Nesse trabalho, o foco discutido e analisado foi de encontro a uma das preocupações que vem se tornando cada vez mais importante no contexto dos recursos hídricos, qual seja o da falta de obediência à política de proteção às áreas de alimentação de nascentes, uma vez que para muitos parece importante apenas que se cuide das margens dos cursos d’águas, e com isso pensam estar em dia com a legislação ambiental. A metodologia se pautou no reconhecimento a campo, efetivando conteúdo da disciplina Tópicos Especiais em Cabeceiras de Drenagem Fluviais do curso de Mestrado em Geografia UFMS/CPAq, que incluiu a organização de mapeamentos cartográficos, bem como roteiro de paradas ao longo de rodovias e estradas vicinais, documentando a paisagem e detalhamentos paisagísticos com fotografias para posteriormente estabelecer a identificação textual do conteúdo fotográfico, estabelecendo uma relação com as questões de sustentabilidade ambiental e sua legislação. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 GEOFRONTER

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.