O cânone literário e as expressões de minorias: implicações e significações históricas

Visualizações: 1225

Autores

  • Lizandro Carlos Calegari URI-FW/RS

Palavras-chave:

Cânone, Minorias, Exclusão,

Resumo

O objetivo deste trabalho consiste em tecer reflexões sobre o cânone literário, levando-se em conta os processos de seleção e exclusão de determinados grupos sociais. Considerou-se, nessa delimitação, a representação das mulheres, dos gays e dos negros na literatura brasileira. A proposta que se pretende defender é a de que tais grupos são marginalizados não apenas na sociedade, mas também figuram à margem do cânone literário. Tal exclusão, quase sempre, se dá por uma elite intelectual que procura assegurar valores conservadores. Nessa proposta, para efeito de análise, tomou-se como corpus textos de autores como Clarice Lispector, Caio Fernando Abreu e Luis Silva.

 

Downloads

Publicado

2015-09-04

Como Citar

CALEGARI, Lizandro Carlos. O cânone literário e as expressões de minorias: implicações e significações históricas. REVELL - REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS DA UEMS, [S. l.], v. 2, n. 5, p. 29–44, 2015. Disponível em: https://periodicosonline.uems.br/index.php/REV/article/view/354. Acesso em: 13 jul. 2024.