“Se tivessem podido ver o futuro!” : a ficção pós-moderna e a relação das narrativas literária e histórica em A Mulher do Tenente Francês, de John Fowles

Mariana Waskow Radünz, Eduardo Marks de Marques

Resumo


Os debates sobre a narrativa nas teorias literária e histórica sofreram profundas mudanças no decorrer dos últimos anos em detrimento, sobretudo, do surgimento do chamado pós-modernismo. A partir desse movimento, a linguagem passou a ser percebida através de um novo olhar e tanto o fazer literário como o fazer histórico passaram a entendê-la na sua relação intrínseca com a sociedade e com a arte como um todo. A partir de estudos na área da literatura, tendo como principal expoente Linda Hutcheon, e na área da história, com Hayden White, literatura e história, ficção e não-ficção passaram a andar juntas em direção à construção de uma reflexão maior sobre a presença do passado no presente. Desta forma, este ensaio tem como objetivo analisar como o romance A Mulher do Tenente Francês (1969), de autoria de John Fowles, articula certas características do movimento pós-modernista em seu texto, levando em consideração, principalmente, a construção da narrativa em articulação com os discursos literário e histórico. Após a análise, percebeu-se que literatura e história se entrelaçam na narrativa de John Fowles construindo uma possibilidade de leitura do passado a partir do presente.

 


Palavras-chave


pós-modernismo; narrativas literária e histórica; A Mulher do Tenente Francês; John Fowles.

Texto completo:

PDF

Referências


CARREIRA, Shirley de Souza Gomes. Revisitando o diálogo entre ficção e história em The French Lieutenant’s Woman, de John Fowles. Revista Uniabeu, Belford Roxo, v. 3, n. 5, p. 39-56, set./dez. 2010. Disponível: http://revista.uniabeu.edu.br/index.php/RU/article/view/56. Acessado em: 08/01/2019.

CEZAR, Temístocles. Estruturalismo e pós-estruturalismo na perspectiva do conhecimento histórico. Anos 90, Porto Alegre, n. 4, p. 129-151, dez. 1995. Disponível: https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/31489/000142288.pdf?sequence=1. Acessado em: 09/11/2018.

EAGLETON, Terry. Teoria da literatura: uma introdução. Trad. Waltensir Dutra. 6.ed. São Paulo: Martins Fontes, 2006.

FOWLES, John. A mulher do tenente francês. Trad. Adalgisa Campos da Silva. Rio de Janeiro: Objetiva, 2008.

HUTCHEON, Linda. Poética do pós-modernismo: história, teoria, ficção. Trad. Ricardo Cruz. Rio de Janeiro: Imago Ed., 1991.

JACOMEL, Mirele Carolina Werneque; SILVA, Marisa Correa. Discurso histórico e discurso literário: o entrelace na perspectiva da metaficção historiográfica. CELLI – Colóquio de Estudos Linguísticos e Literários, n. 3, 2007, Maringá. Anais [...]. Maringá, 2009. p. 740-748. Disponível: http://www.ple.uem.br/3celli_anais/trabalhos/estudos_literarios/pdf_literario/078.pdf. Acessado em: 10/01/2019.

JAMESON, Fredric. A lógica cultural do capitalismo tardio. In: Pós-modernismo: a lógica cultural do capitalismo tardio. São Paulo: Ática, 1996.

JAMESON, Fredric. Pós-modernismo e sociedade de consumo. In: A virada cultural: reflexões sobre o pós-moderno. Trad. Carolina Araújo. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2006.

OLIVEIRA, Carlos André Cordeiro de. O (des)tecer de narrativas: a metaficção no romance e filme The French Lieutenant's Woman. 2015. 105 f. Dissertação (Mestrado em Letras) – Centro de Ciências Humanas e Letras, Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2015. Disponível: http://www.cchla.ufpb.br/ppgl/wp-content/uploads/2015/04/DISSERTA%C3%87%C3%83O-CARLOS-ANDR%C3%89-CORDEIRO-DE-OLIVEIRA.pdf. Acessado em: 14/01/2019.

RIZZO, Marcelo Augusto Parrillo. A história de meta-história: um estudo sobre a teoria da história de Hayden White. 2009. 95 f. Dissertação (Mestrado em História) – Faculdade de História, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2009. Disponível: https://pos.historia.ufg.br/up/113/o/diss.pdf. Acessado em: 09/11/2018.

SALES, Paulo Alberto da Silva. Meta-história, metaficção e metaficção historiográfica: uma revisão crítica. Ícone: Revista de Letras, Goiás, v. 17, n. 2, p. 16-31, nov. 2017. Disponível: http://www.revista.ueg.br/index.php/icone/article/view/5838/4756. Acessado em: 09/11/2018.

WHITE, Hayden. Metahistory: the historical imagination in nineteenth-century Europe. United States of America: The Johns Hopkins University Press, 1973.

WHITE, Hayden. Trópicos do discurso: ensaios sobre a crítica da cultura. Trad. Alípio Correia de Franca Neto. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1994.

ŽIŽEK, Slavoj. O espectro da ideologia. In: ADORNO, Theodor W. et. al. Um mapa da ideologia. Org. Slavoj Žižek. Trad. Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Contraponto, 1996.




Direitos autorais 2020 REVELL - REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS DA UEMS

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Editor-chefe: Professor Doutor Andre Rezende Benatti

ISSN: 2179-4456