RESGATE HISTÓRICO-AMBIENTAL DO CÓRREGO CRIMINOSO, BACIA DO ALTO TAQUARI, COXIM/MS

Thasiane Santos de Oliveira, Anderson Fernandes da Silva, Cleiton Oliveira dos Santos, Adriana Maria Güntzel

Resumo


A urbanização, como um processo histórico, amplia a demanda por água potável e gera novas preocupações a respeito do uso adequado da terra e conservação dos mananciais hídricos. A História Ambiental nos adverte para o fato de que a percepção sobre as interações entre o ser humano e o ambiente muda conforme a época, o local e a cultura e que pode ser a chave para a formulação de estratégias de recuperação e conservação ambiental. Este estudo tem por objetivo apresentar um resgate histórico-ambiental da ocupação da microbacia do córrego Criminoso, Bacia do Alto Taquari, Coxim, MS, visando gerar informações que auxiliem na proposição de ações adequadas para a reconstrução das relações harmônicas entre a população de Coxim e seus recursos hídricos. Desse modo, este estudo demonstrou a importância do resgate da memória da população, de sua história, cultura e vivência social, como base para a proposição de políticas públicas que possam auxiliar na reconstrução das relações harmônicas entre a sociedade e a natureza existentes quando do primeiro contato da população com o território que veio a tornar-se o seu lugar no espaço geográfico.


Palavras-chave


Recursos hídricos. Bacia hidrográfica. Urbanização. História ambiental

Texto completo:

PDF

Referências


AMADO, J.; FERREIRA, M.M. Uso & abusos da história oral. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1996.

BERNARDI, E. C. S.; PANZIERA, A. G.; BURIOL, G. A.; SWAROWSKY, A. Bacia hidrográfica como unidade de gestão ambiental. Disciplinarum Scientia. Santa Maria, v.13, n.2, 2012, p. 159-168

CONGEDO, L. Semi-Automatic Classification Plugin Documentation. Release 4.8.0.1.29. out. 2015. Disponível em: . Acesso em: 02 de agosto de 2018.

CORREA, A.S.; MONTEIRO, M.A.; RIPPEL, R.; RODRIGUES, E.A.G. Fluxos migratórios no estado de Mato Grosso do Sul (1970-2010). Interações, v. 29, p. 325-341, 2018.

DINIZ, E.A.; RIBEIRO, R.C.; SOUZA, M.N.A. Prevalência dos distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho: estudo com lavadeiras de roupa. Saúde (Santa Maria), v. 43, p. 93-100, 2017.

DRUMMOND, J. A. A História Ambiental: temas, fontes e linhas de pesquisa. Estudos Históricos, v. 4, n. 8, p. 177-197, 1991.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA (EMBRAPA). Migração rural-urbana e novas tecnologias: coletânea de artigos revistos. Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica, 2006.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA (EMBRAPA). Programa de desenvolvimento dos cerrados e suas contribuições à produção de grãos e proteína animal. Planaltina: Distrito Federal II. Título III série, 1982. Disponível em: https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/101011/1/doc-05.pdf

GALDINO, S. et al. Impactos ambientais e socioeconômicos na bacia do rio Taquari – Pantanal. Corumbá: Embrapa Pantanal, 2005.

GÜNTZEL, A. M. et al. Análise fitossociológica de um remanescente de vegetação na microbacia do Córrego Criminoso (Bacia do Rio Taquari, Coxim, MS, Brasil): subsídios para a recomposição da vegetação. Acta Botânica Brasílica, vol. 25, p. 586-592, 2011.

HARRIS, M.B.; et al. Estimativas de perda da área natural da bacia do Alto Paraguai e Pantanal Brasileiro. Relatório não publicado. Conservação Internacional, Campo Grande, MS, p. 35, 2005.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Censo Agropecuário de 2017 – Dados Preliminares. Disponível em: < https://censos.ibge.gov.br/agro/2017/templates/censo_agro/resultadosagro/agricultura.html?localidade=50&tema=76518>. Acesso em 03. set. 2018.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Obtenção de dados do censo 1983 – Coxim, Mato Grosso do Sul, Centro Oeste, Brasil. Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/periodicos/112/col_mono_ns_n29_coxim.pdf

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Obtenção de dados do censo 2010. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/ms/coxim/panorama.

INSTITUTO NACIONAL DE PESQUISAS ESPACIAIS - INPE. Projeto TOPODATA: Obtenção de Imagens do Banco de dados Geomorfométricos do Brasil. Disponível em: . Acesso em 08 de agosto de 2018.

LOPES, Alfredo Ricardo Silva. História Ambiental: uma demanda contemporânea. Cad. Pesq. Cdhis, v.23, n.2, p. 483-496, jul./dez. 2010.

LUBENOW, A. T.; OLIVEIRA FILHO, P. C.; VIDAL, C. M. S.; CAVALLINI, G. S.; CANTERLE, Y. C. Impacto do uso e ocupação da terra na qualidade da água da bacia hidrográfica do rio Nhapindazal, Irati (PR). Ambiência Guarapuava (PR),v.8, n.3, 2012, p. 845 – 858

MELÉNDEZ DOBLES, S. La historia ambiental: aportes interdisciplinarios y balance crítico desde América Latina. Cuadernos Digitales, v.7, n. 19, nov. 2002.

MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE (MMA). Biomas Brasileiros. Disponível em: . Acesso em: 12 de dezembro de 2018.

OLIVEIRA FILHO, P. C.; DUTRA, A. M.; CERUTI, F. C. Qualidade das águas superficiais e o uso da terra: Estudo de caso pontual em bacia hidrográfica do oeste do Paraná. Floresta e Ambiente, v.19, n.1, 2012, p. 32-43

PONTES, P. P.; MARQUES, A. R.; MARQUES, G. F. Efeito do uso e ocupação do solo na qualidade da água na microbacia do córrego Banguelo- Contagem. Revista Ambiente & Água. v.7, n.3, 2012

SANTOS. L. T. S. O.; JESUS, T. B.; NOLASCO, M. C. Influência do uso e ocupação do solo na qualidade das águas superficiais do rio subaé, Bahia. Geographia Opportuno Tempore, Londrina, v.1, n.1, 2014, p. 68-79

TANIWAKI, R.H.; ROSA, A.H.; LIMA, R.; MARUYAMA, C.R.; SECCHIN, L. F; CALIJURI, M. C.; MOSCHINI-CARLOS, V. A influência do uso e ocupação do solo na qualidade e genotoxicidade da água no reservatório de ituparanga, São Paulo, Brasil. Interciência. v. 38, n.3, 2013, p.164-170

TONG, S.T.Y.; CHEN W. Modeling the relationship between land use and surface water quality. Journal of Environmental Management v 66, 2002, p. 377-393

UNITED STATES GEOLOGICAL SURVEY - USGS. Earth Explorer: Imagem do Satélite Landsat 8, referente ao ano de 2018. Disponível em< http://earthexplorer.usgs.gov/>. Acesso em: 05 de agosto de 2018.

VANZELA, L.S.; HERNANDEZ, F. B. T.; FRANCO, R. A. M. Influência do uso e ocupação do solo nos recursos hídricos do córrego três bassa, Marinópolis. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v.14, n.1, 2010, p. 55-64

WILSON, C. O.; WENG, Q. Simulating the impacts of future lan use and climate changes on surface water quality in the Des Plaines River watershed, Chicago Metropolitan Statical Area, Illinois. Science of the Total Environment, v.409, 2011, p. 4387-4405

ZUFFO, C. E.; NASCIMENTO, G. F.; ABREU, F. A. M.; CAVALCANTI, I. N. Caracterização da qualidade de águas superficiais em Rondônia, Anurário do instituto de Geociências, v.36, n.2, 2013, p. 25-39


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN: 2526-4052