MOBILIDADE DOS ESTUDANTES DA ZONA RURAL PARA AS ESCOLAS URBANAS (AMAMBAI - MS)

Sonia Machado Miranda, Rogério da Palma

Resumo


O presente artigo tem o objetivo de analisar a mobilidade dos estudantes da zona rural para algumas escolas urbanas no município de Amambai. Através de entrevistas, pudemos perceber os desafios que esses estudantes enfrentam, levantando de madrugada e saindo de suas casas muito cedo para pegar o ônibus, passando por matos, animais, campos, rios, pontes, lavouras e dias chuvosos, estradas em péssimas condições, enfrentam a ida para a escola, e enfrentam toda a trajetória da volta para casa. Com estudo de campo, a realidade que procuramos entender as dificuldades encontradas pelos alunos da zona rural, da sua trajetória de ir estudar e a volta para sua casa.

Texto completo:

PDF

Referências


ARROYO, Miguel Gonzalez. CALDART, Roseli Salete. MOLINA, Mônica Castagna. Por uma Educação do Campo. Petrópolis, RJ: Vozes, 2011.

BRASIL, Ministério da Educação. Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/index.php/programa-transporte-escolar. Acesso: 11nov. 2012.

DIAS, Sandra Henrique. Crianças do Campo: realidade em estudar em uma escola urbana no Município de Sinop – Mato Grosso. 2014.

EGAMI, Cintia Yumiko Et Al. Panorama das Políticas Públicas do transporte Escolar Rural. Centro de Formação de Recursos Humanos em Transporte- CEFTRU. Universidade de Brasília- UNB. Campus Universitário Darcy Ribeiro- Caixa Postal 04516- CEP. 70919-970- Brasília (DF).

GOVERNO FEDERAL,www.educação.rs.gov.br/alimentação escolar

OLIVEIRA, Cléia Dalcul da Silva. O aluno do Campo na Escola Urbana e sua Diversidade cultural. Bagé. 2015.

SILVA, Ester S. L. ARNT, Ana M. O acesso ás Escolas do Campo e o Transporte Escolar. UNEMAT- Campus- Tangará da Serra -MT. 2008

THEOTONIO, Andrea Carla Rodrigues. Inclusão dos alunos do campo na escola urbana: desafios e perspectivas. 2014, p.1 a 10.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.