O “ERRE” CAIPIRA:

ANÁLISE VARIACIONISTA DO ROTACISMO

Visualizações: 36

Autores

  • Thiago Leonardo Ribeiro UEL
  • Vera Maria Ramos Pinto UENP/CJ

Palavras-chave:

Rotacismo; Análise variacionista; Atlas Linguístico do Paraná – ALPR.

Resumo

Quando ouvimos pranta, sor e Cráudia estamos diante de um processo de rotacização, transformação do L em R nos encontros consonantais. Esse fenômeno linguístico chamado rotacismo é uma tendência antiga e estigmatizada por ser característica de variedades não-padrão. Neste artigo, empreendemos uma análise variacionista do rotacismo, variação da consoante líquida /l/ em ataque complexo e em coda silábica nas palavras eclipse/ecripse e sol/sor, oriundas das respostas dadas às questões 23 e 33 do questionário usado para entrevistar os informantes do Atlas Linguístico do Paraná (ALPR), publicado em 1994, transcritas para as cartas fonéticas 138 e 152. Assim, objetivamos apresentar um estudo sob o ponto de vista fonético-fonológico e da variação,  explicitando as ocorrências na fala de paranaenses e os principais fatores que contribuíram para que esse fenômeno se realizasse. Com a pesquisa, observamos, na fala dos paranaenses, a regularidade do fenômeno em ataque complexo mais acentuada do que o rotacismo em coda silábica. Com relação aos aspectos sociais, os dados apontam a escolaridade e a localidade como fatores influentes. A contribuição deste trabalho consiste na constatação de que a variação não é exclusiva dos falantes não escolarizados, de que o rotacismo tem explicação científica, ocorreu amplamente na história da língua portuguesa, e permanece na fala de determinadas comunidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Leonardo Ribeiro, UEL

Doutorando no Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem - PPGEL da Universidade Estadual de Londrina - UEL. Integrante do Grupo de Pesquisa Leitura e Ensino (CLCA-UENP/CJ). Contato: thiagoleonardoribeiro@gmail.com

Vera Maria Ramos Pinto, UENP/CJ

Professora adjunta do Centro de Letras, Comunicação e Artes - CLCA da Universidade Estadual do Norte do Paraná - UENP, campus Jacarezinho, Vice-líder do Grupo de Pesquisa Leitura e Ensino (CLCA-UENP/CJ) e doutora em Estudos da Linguagem pelo PPGEL da Universidade Estadual de Londrina - UEL. Contato: veramaria@uenp.edu.br

Downloads

Publicado

07-04-2019

Como Citar

Ribeiro, T. L., & Ramos Pinto, V. M. (2019). O “ERRE” CAIPIRA:: ANÁLISE VARIACIONISTA DO ROTACISMO. WEB REVISTA SOCIODIALETO, 9(25), 257–283. Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/sociodialeto/article/view/7843