Biblioterapia e Literatura Infantojuvenil: Contribuindo para a formação de cidadãos críticos e seres humanos “mais humanos”

Sirlene Cristófano

Resumo


Este artigo pretende divulgar a utilização da literatura infantil enquanto promotora da formação da identidade de crianças marginalizadas, além de fazer uma reflexão sobre como a literatura infantojuvenil desponta a possibilidade de educar para incluir, em vez de criminalizar para excluir.


Palavras-chave


Literatura; Educação; Inclusão.

Texto completo:

PDF


ISSN: 2237-8332