COMPREENDENDO O PAPEL DO LÚDICO COMO MEDIADOR DA APRENDIZAGEM E DA INCLUSÃO NA EDUCAÇÃO ESPECIAL: UMA ANÁLISE TEÓRICA.

Autores

  • Maria Aparecida da Silva Ferreira Insituto Federal do Espírito Santo – IFES – Campus Itapina. http://orcid.org/0000-0002-6883-6811
  • Auryane Barker Fernandes Laviola Insituto Federal do Espírito Santo – IFES – Campus Itapina.
  • Jorge Luiz Silva Insituto Federal do Espírito Santo – IFES – Campus Itapina.
  • Daniel Lousada Casteluber Universidade Federal do Espírito Santo

Palavras-chave:

Lúdico, inclusão, educação especial, aprendizagem, mediador.

Resumo

O presente artigo tem como objetivo compreender o papel do lúdico como mediador da aprendizagem e da inclusão na educação especial. É uma análise teórica, no qual, foi feita uma pesquisa metodológica bibliográfica, analisando a posição de alguns autores. A igualdade no ensino é muito discutida em muitos países, isso reforçou o Estado a proporcionar uma educação que abrangesse o público de pessoas com necessidades especiais. A inclusão dessas pessoas vai muito além do que matricular, é acreditar também em uma superação social, afetiva, física e cultural, de uma forma que não os desestimulem. Diante disso os autores visam à adaptação de métodos que promovem a aprendizagem prazerosa e inclusiva de maneira significativa, e o lúdico tem esse papel. Ele é uma ferramenta metodológica que pode contribuir para a inclusão escolar, e se caracteriza como um momento em que a criança usa sua espontaneidade e consequentemente, a expressividade e a criatividade, pois não se trata de apenas brincar, mas é brincar com intencionalidade pedagógica. O lúdico como prática diária trabalhada na escola, facilitará o processo alfabetizador, sendo isso realizado de forma a obter resultados positivos. Enfim, mediante a pesquisa segue que a ludicidade faz a diferenças na vida de todas as pessoas, em especial na criança com necessidades educacionais especiais que possui suas dificuldades no processo de escolarização como qualquer outra criança. O lúdico faz com que essas crianças conheçam a si mesma, nos seus desejos, limitações e as ensinam a se comunicarem com o mundo.

 

Biografia do Autor

Maria Aparecida da Silva Ferreira, Insituto Federal do Espírito Santo – IFES – Campus Itapina.

Graduanda do curso Licenciatura em Pedagogia –Insituto Federal do Espírito Santo – IFES – Campus Itapina.

Auryane Barker Fernandes Laviola, Insituto Federal do Espírito Santo – IFES – Campus Itapina.

Graduanda do curso Licenciatura em Pedagogia – IFES – Campus Itapina. auryane_1995@hotmail.com

Jorge Luiz Silva, Insituto Federal do Espírito Santo – IFES – Campus Itapina.

Graduando do curso Licenciatura em Pedagogia – IFES – Campus Itapina. jorginhosaude@hotmail.com

Daniel Lousada Casteluber, Universidade Federal do Espírito Santo

Possui graduação em Bacharelado em Geografia pela Universidade Federal de Viçosa (2006) e graduação em Licenciatura em Geografia pela Universidade Federal de Viçosa (2006). Licenciatura em Letras Italiano (em andamento-UFES) Especialista em Gestão Escolar integrada; Especialista em Ensino Médio Integrado a Educação Profissional (IFES-2010) e Especialista em Geografia Urbana. Atualmente é Professor efetivo do IFES - Campos Itapina. Tem experiência na área de Geografia e Licenciatura em Pedagogia. danielcasteluber@yahoocom.br

Downloads

Publicado

22/07/2019

Como Citar

Ferreira, M. A. da S., Laviola, A. B. F., Silva, J. L., & Casteluber, D. L. (2019). COMPREENDENDO O PAPEL DO LÚDICO COMO MEDIADOR DA APRENDIZAGEM E DA INCLUSÃO NA EDUCAÇÃO ESPECIAL: UMA ANÁLISE TEÓRICA. WEB REVISTA LINGUAGEM, EDUCAÇÃO E MEMÓRIA, 16(16), 145–154. Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/WRLEM/article/view/3174