O ESTADO NOVO BRASILEIRO EM “PRIMEIRO DE MAIO”, DE MÁRIO DE ANDRADE

Bruna Otani Ribeiro

Resumo


RESUMO: O conto “Primeiro de Maio”, de Mário de Andrade, inserido no livro Contos
Novos, que foi produzido entre os anos de 1934 e 1942, embora tenha sido publicado apenas em 1947, postumamente, estabelece uma crítica contundente ao Estado Novo, instituído por Getúlio Vargas no Brasil, em 1937. Nesse estudo, pretende-se, tomando como ponto de partida o contexto histórico/político brasileiro daquela época, analisar quais aspectos do conto evidenciam a crítica em relação ao governo da época e de que forma alguns dos  elementos que estruturam o texto narrativo, como tempo/espaço, diegese e personagens, contribuem para a construção de sentido da obra.

Palavras-chave


“Primeiro de maio”; Mário de Andrade; Estado Novo.

Texto completo:

PDF


ISSN: 2237-8332