FOCO — Fórum dos corolários: a inteligência coletiva, de Pierre Lévy, aplicada a um sistema web para dissolução da discriminação contra a mulher, o negro e os adeptos de religiões afro-brasileiras

Pedro Salina Rodovalho, Cláudia Santos Fernandes, Aislan Vieira Melo

Resumo


É notória a presença da discriminação na sociedade brasileira, sendo suas expressões facilmente detectadas. Frequentemente, mulheres, negros e adeptos de religiões afro-brasileiras são alvos de ataques de ódio, evidenciados por atos de violência física, moral e verbal, que vão de ações que passam despercebidas até torturas e homicídios. O combate ao preconceito precisa do apoio popular, visto que o problema compreende também o coletivo, que o cria e mantém. Com efeito, a ascensão das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs), de certa forma, contribuiu para a manutenção da discriminação, ainda que as mídias digitais, sobretudo, possam ser utilizadas como poderosa ferramenta para a dissolução do problema. Esta pesquisa objetivou a implementação de uma aplicação web que promova a discussão sobre questões relacionadas aos grupos supracitados. Os usuários podem se cadastrar e, após isso, publicar textos, imagens, vídeos e outros arquivos sobre o assunto, bem como inserir comentários em postagens de outros autores. Destaca-se que somente usuários registrados podem adicionar tópicos, mas qualquer um pode acessar o sistema e visualizar publicações e comentários. Com a aplicação concluiu-se que o fórum possibilita a formação de um novo pensamento, aos moldes da inteligência coletiva proposta por Pierre Lévy.

Palavras-chave


Fórum de discussão; Mulher; Negro; Religiões Afro-brasileiras

Texto completo:

PDF


ISSN: 2237-8332