DAS QUESTÕES SOCIOLINGUÍSTICAS ÀS PRÁTICAS DE ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA EM ANGOLA (LUBANGO)

Visualizações: 16

Autores

  • Paulo Osório Universidade da Beira Interior (Covilhã, Portugal)
  • João Martins Universidade da Beira Interior (Covilhã, Portugal)

Palavras-chave:

Sociolinguística. Língua. Ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa

Resumo

Este artigo pretende contribuir para a compreensão do quadro sociolinguístico angolano e a situação do português neste território, pondo em discussão o ensino-aprendizagem da língua portuguesa, que tem sido uma preocupação em Angola e, de modo geral, em todo o espaço lusófono. A investigação procura fornecer dados fiáveis sobre a realidade sociolinguística e cultural de Angola, pretendendo, numa perspetiva reflexiva, auxiliar no entendimento das conceções de linguagem adotadas a nível das práticas docentes e repensar em prol do plano de formação de professores de língua, bem como os paradigmas atuais observados. 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

07-04-2019

Como Citar

Osório, P., & Martins, J. (2019). DAS QUESTÕES SOCIOLINGUÍSTICAS ÀS PRÁTICAS DE ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA EM ANGOLA (LUBANGO). WEB REVISTA SOCIODIALETO, 9(25), 179–206. Recuperado de https://periodicosonline.uems.br/index.php/sociodialeto/article/view/7900