FUNÇÃO SOCIAL DA ESCOLA: TEORIA E PRÁXIS

Maria Tereza M. Rezende

Resumo


Muito já se deliberou sobre a função social da escola; e as expectativas acerca
dessa questão demonstram o quão importante é a abordagem desse âmbito, porque o
sistema de ensino é o meio em que, teoricamente, se promoveria a emancipação do
indivíduo. Entretanto, sabe-se que essa emancipação nem sempre é estimulada e nem
tão pouco promovida, já que ela está substancialmente relacionada a determinados
modos de produção e pensamento, e de transmissão do conhecimento, que variam de
acordo com as condições sociais do sujeito. É fato que as condições que situam o sujeito
social estão, também, relacionadas ao sistema de ensino, já que na maioria das vezes a
divisão de classes é reproduzida na escola. O trabalho resulta de uma reflexão sobre as
funções sociais da escola, a partir de estudos bibliográficos e fílmicos, bem como da
revisitação do período escolar da educação básica, enfatizando questões referentes à
criticidade e à emancipação dos indivíduos dentro do contexto social dominante.


Palavras-chave


Educação. Função social. Escola. Ideologia.

Texto completo:

PDF


ISSN: 2237-8332