Contribuições da meditação em âmbito escolar

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26514/inter.v11i31.4111

Palavras-chave:

Meditação. Processo Educacional. Aprendizagem. Educação holística. Ensino Fundamental Anos Iniciais.

Resumo

O objetivo do presente artigo é investigar as contribuições das práticas meditativas no processo educacional. Para a realização do estudo, optamos por uma revisão de literatura por meio do estado de conhecimento.Para atingir o que foi proposto, fez-se um levantamento da produção na base de dados CAPES, Scielo, Research Gate ePUBMED (artigos, dissertações e teses), que tratam da inclusão e das contribuições da meditação para crianças escolares. Identificamos práticas de meditação na educação escolar, propiciando benefícios no desempenho de aprendizagem, melhoras cognitivas e bem-estar em geral. Concluímos que a incorporação das práticas meditativas é uma realidade mundial que apresenta benefícios para uma educação global. Tais benefícios abrangem indivíduo, família, comunidade e escola. A introspecção e a atenção plena resultam em atitudes mais calmas, melhoras cognitivas, progresso na performance escolar e sentimentos de empatia, compaixão e autocompaixão.

Biografia do Autor

Tatiana Cossia, Universidade Municipal de São Caetano do Sul

Mestre em Educação Profissional (Docência) pela Universidade Municipal São Caetano do Sul (USCS). Enfermeira Obstetra com a inclusão de Terapias Integrativas na assistência humanizada (Ayurveda / Yoga) . Docente especialista na condução não farmacológica da dor do parto (Pós Graduação em Enfermagem Obstétrica Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein). Preceptora de Estágio Graduação em Enfermagem - Enfermagem Desportiva do Atleta de Alto Rendimento e Saúde Pública. Instrutor de treinamento na Equipe de Natação Competitiva SCS. Enfermeira em Competições de Alto Rendimento (base). Professora de Oficinas, Cursos, Palestras e Workshops em Saúde Integral e Métodos Naturais.

Maria de Fátima Ramos de Andrade, Universidade Presbiteriana Mackenzie Universidade Municipal de São Caetano do Sul

Possui graduação em Pedagogia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Mestrado em Educação pela Universidade de São Paulo, Doutorado em Comunicação Semiótica pela PUC/SP e pós-doutorado em Políticas e Práticas da Educação Básica e Formação de Professores pela Fundação Carlos Chagas. Atua em cursos de graduação e pós-graduação em Educação. Desenvolve pesquisas sobre os seguintes temas: Desenvolvimento profissional da docência, Alfabetização, Educação infantil, Educação a distância, Linguagem audiovisual, cinema de animação (textos multimodais).

Downloads

Publicado

2020-08-17

Como Citar

Cossia, T., & Andrade, M. de F. R. de. (2020). Contribuições da meditação em âmbito escolar. INTERFACES DA EDUCAÇÃO, 11(31), 153–176. https://doi.org/10.26514/inter.v11i31.4111