Os programas PIBID e residência pedagógica: em discussão a formação do professor da educação básica

Autores

  • Diene Eire de Mello Universidade Estadual de Londrina- Paraná-Brasil - Departamento de Educação -Programa de Pós Graduação em Educação- PPEDU- UEL
  • Luciana Figueiredo Lacanallo Arrais Universidade Estadual de Maringá (UEM) https://orcid.org/0000-0001-5297-7823

DOI:

https://doi.org/10.26514/inter.v12i35.5386

Palavras-chave:

Educação Básica. Formação de Professores. Pibid. Residência Pedagógica.

Resumo

O presente artigo tem como objetivo investigar a maneira como os programas Pibid (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência) e Residência Pedagógica contribuem para a formação do professor da educação básica. O estudo foi realizado com um grupo de 18 estudantes do Curso de Pedagogia de duas Universidades públicas do interior do Paraná que participaram dos programas. Utilizou-se da abordagem qualitativa e, como instrumento da coleta de dados, um formulário exploratório-explicativo elaborado via Google Docs com questões abertas e fechadas. Os resultados indicam que tanto o Pibid quanto o PRP são programas que contribuem com a formação docente e que essa articulação entre escola básica e universidade é um entre-lugar de diálogo, compreensão da realidade e de luta pela melhoria do ensino como um todo. As contribuições das experiências vivenciadas no Pibid e RP evidenciam a compreensão dos novos professores a respeito da complexidade do ato de ensinar.

Biografia do Autor

Diene Eire de Mello, Universidade Estadual de Londrina- Paraná-Brasil - Departamento de Educação -Programa de Pós Graduação em Educação- PPEDU- UEL

Graduada em Pedagogia com Mestrado em Tecnologia pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (1997). Doutora em Educação pela UEM (2010). Pós doutorado em Educação com foco em e-learning pela Universidade Aberta de Portugal (2015). É docente do Programa de pós graduaçao em Educação da Universidade Estadual de Londrina no Paraná (PPEDU). Atua na área de Didática, Formação de Professores e Tecnologias Educativas. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em formação de professores, atuando principalmente nos seguintes temas de pesquisa: formação de professores, ensino, educação, tecnologias e aprendizagem e educação a distância. Coordenadora do Grupo de Pesquisa DidaTic, Editora adjunta da Revista Educação em Análise.

OS PROGRAMAS PIBID E RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA: EM DISCUSSÃO A FORMAÇÃO DO PROFESSOR DA EDUCAÇÃO BÁSICA

Luciana Figueiredo Lacanallo Arrais, Universidade Estadual de Maringá (UEM)

Possui graduação em Pedagogia (1996), Mestrado (2005) e Doutorado (2011) em Educação pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Professora adjunta do Departamento de Teoria e Prática da Educação (DTP/UEM) na área de Prática de Ensino e do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPE/UEM), na linha de Ensino, Aprendizagem e Formação de Professores. Membro da comissão de reestruturação de estágio da Universidade Estadual de Maringá. Coordenadora da Oficina Pedagógica de Matemática (OPM/UEM) que é uma das ações do Grupo de Pesquisa e Ensino Trabalho Educativo e Escolarização (GENTEE/UEM/CNPq). Coordenadora do PIBID projeto Pedagogia Núcleo: Docência. Coordenadora do Laboratório de Apoio Pedagógico (LAP/UEM). É membro efetivo do Fórum de Educação Infantil do Paraná (FEIPAR/MIEIB). Diretora Auxiliar do Colégio de Aplicação Pedagógica (CAP/UEM). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Avaliação da Aprendizagem; Formação de Professores; Organização do Ensino de Matemática; Metodologia do Ensino de Matemática; e Estágio Supervisionado.

Downloads

Publicado

02/11/2021

Como Citar

Mello, D. E. de, & Lacanallo Arrais, L. F. (2021). Os programas PIBID e residência pedagógica: em discussão a formação do professor da educação básica. INTERFACES DA EDUCAÇÃO, 12(35), 506–531. https://doi.org/10.26514/inter.v12i35.5386