ALFABETIZAÇÃO EM TERRITÓRIO VULNERÁVEL: O CASO DE UMA ESCOLA DE SUCESSO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26514/inter.v13i38.6311

Palavras-chave:

Eficácia escolar, Alfabetização, Território vulnerável.

Resumo

Pesquisas realizadas no Brasil e no exterior demonstram que escolas localizadas em territórios com alto índice de vulnerabilidade têm enfrentado inúmeros problemas que trazem, entre outras consequências, o baixo desempenho em avaliações externas. O objetivo principal da pesquisa ora apresentada foi investigar quais fatores contribuíram para que uma escola pública localizada em um território vulnerável, constituído por famílias de camadas populares e com alto índice de violência, contrariasse as estatísticas e obtivesse maior percentual de alunos no nível avançado em alfabetização nas provas do Programa de Avaliação da Alfabetização (PROALFA) de 2014 a 2016 no município de Governador Valadares/MG. Com base nos autores da sociologia da educação, a pesquisa discute desigualdade escolar, sucesso escolar nas camadas populares e escola eficaz. A abordagem selecionada foi a qualitativa e a investigação foi feita por meio do estudo de caso. Os recursos metodológicos foram a análise documental, a observação orientada e a entrevista, realizada com profissionais da escola e familiares dos alunos. Ao todo foram feitas dez entrevistas. Os resultados demonstram cinco mecanismos que explicam o sucesso da escola: formação continuada, uso de diferentes métodos de alfabetização, experiência profissional em alfabetização, estratégias de intervenção pedagógica, atuação da escola com as famílias.

Biografia do Autor

SANDRA MARIA PERPÉTUO, Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), Faculdade Presidente Antônio Carlos de Governador Valadares(UNIPAC/GV), Secretaria Municipal de Educação de Governador Valadares(SMED/GV)

Pedagoga, mestre em Educação (UFOP), pós-graduada em Alfabetização e Letramento; Supervisão e Coordenação Escolar (PUC-MINAS); Gestão Educacional, com habilitação em administração escolar, supervisão de ensino, orientação educacional e inspeção escolar; Educação Inclusiva e Neuropsicopedagogia. Atualmente coordena o curso de Pedagogia da UNIPAC/GV, é Pedagoga analista e Coordenadora de Formação Continuada da Secretaria Municipal de Educação de Governador Valadares, professora das disciplinas Pesquisa em Educação, Alfabetização e Letramento do curso de Pedagogia UNIPAC/GV e dos cursos de pós-graduação do IMES. Na coordenação do curso de Pedagogia da UNIPAC/GV está a frente dos Projetos de Extensão da Brinquedoteca e Contação de histórias, e do Projeto interdisciplinar de Iniciação à Pesquisa em Educação. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação

Rosa Maria Exaltação Coutrim, Universidade Federal de Ouro Preto

Possui graduação em Ciências Sociais (UNESP), especialização em Gerontologia (USP), mestrado em História (UNESP), doutorado em Ciências Humanas - Sociologia e Política (UFMG) e pós doutorado em Educação pelo Instituto Politécnico de Leiria, Portugal. Tem experiência nas áreas de metodologia científica e sociologia com ênfase em Sociologia da Educação e Sociologia do Envelhecimento. Atualmente é professora associada do Departamento de Educação e da Pós Graduação em Educação da Universidade Federal de Ouro Preto. É bolsista Pesquisador Mineiro (FAPEMIG) e pesquisadora do Núcleo de Estudos Sociedade, Família e Escola (NESFE- UFOP) e do Observatório Sociológico Família e Escola (OSFE- UFMG). Coordenadora do Grupo de Estudos sobre Envelhecimento e Educação, sediado no NESFE. Os principais focos de pesquisa são: Relação família e escola, relações intergeracionais, longevidade escolar nas camadas populares.

Referências

ABRAMOVAY, Mirian; ABRAMOVAY, Mirian; CASTRO Mary Garcia; PINHEIRO, Leonardo de Castro; LIMA, Fabiano de Sousa; MARTINELLI, Cláudia da Costa. Juventude, violência e vulnerabilidade social na América Latina: desafios para políticas públicas. Brasília: UNESCO, BID, 2002. 92 p.

ALVES, Maria Teresa Gonzaga; FRANCO, Cresco. A pesquisa em eficácia escolar no Brasil: evidências sobre o efeito das escolas e fatores associados à eficácia escolar. In: BROOKE, Nigel; SOARES, José Francisco (eds.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2008, p. 482-500.

BATISTA, Antônio Augusto Gomes; CARVALHO-SILVA, Harley. Família, escola, território vulnerável. São Paulo: CENPEC, 2013. 236 p.

BRESSOUX, Pascal. As pesquisas sobre o efeito-escola e o efeito professor. Educação em

revista, Belo Horizonte, n. 38, p. 17-88, dez. 2003.

BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José. Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008. 552 p.

BROOKOVER, Wilbur; SCHWEITZER, John; SCHNEIDER, Jeffrey; BEADY, Charles; FLOOD, Patricia; WISENBAKER, Joseph. Elementary school social climate and school achievement. American Educational Research Journal, v. 15, n. 2, p. 301-318, 1978. In: BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José (eds.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008, p. 153-162.

CENPEC. Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária. Educação em territórios de alta vulnerabilidade social na metrópole. Informe de Pesquisa nº 3. São Paulo: CENPEC, 2011. 33 p. Disponível em: https://www.cenpec.org.br/wp-content/uploads/2015/08/Informe_de_Pesquisa3a.pdf. Acesso em 20 de agosto de 2020.

COSTA, Lívia F da. Notas sobre formas contemporâneas de vida familiar e seus impactos na educação dos filhos. In: NASCIMENTO, Antônio Dias; HETKOWSKI, Tânia Maria (orgs.) Educação e contemporaneidade: pesquisas científicas e tecnológicas. Salvador: EDUFBA, 2009, p. 356-371.

ERNICA, Maurício BATISTA, Antônio Augusto Gomes. A escola, a metrópole e vizinhança vulnerável. Caderno de pesquisa, v. 42, n. 346, p. 640-666, maio/ago. 2012.

GAUTHIER, Clermont; BISSONNETTE, Steve; RICHARD, Mario. Ensino explícito e

desempenho dos alunos: a gestão dos aprendizados. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014. 335p.

INEP, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. PISA 2015.

Brasília: INEP, 2015.

LAHIRE, Bernard. A transmissão familiar da ordem desigual das coisas. Sociologia, Revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, v. XXI, p. 1-22, 2011.

LAHIRE, Bernard. O sucesso escolar nos meios populares: as razões do improvável. Porto Alegre: Ática, 2008. 367 p.

MADAUS, George F.; AIRASIAN, Peter W.; KELLAGHAN, Tomas. Estudos empíricos. In: BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José (orgs.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008, p. 74-89.

MADAUS, George F.; AIRASIAN, Peter W.; KELLAGHAN, Tomas. Insumos escolares, processos e recursos. In: BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José (orgs.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008, p. 112-141.

PATTO, Maria Helena Souza. A produção do fracasso escolar: histórias de submissão e rebeldia. São Paulo: T.A. Queiroz, 1999. 464 p.

PERONA, Nélida B.; ROCCHI, Graciela I. Vulnerabilidad y exclusión social: una propuesta metodológica para el estudio de las condiciones de vida de los hogares. Kairós, año 5, n. 8, n.p., 2º semestre 2001.

MINAS GERAIS. Secretaria do Estado de Educação. Boletim pedagógico. Programa da Avaliação da Alfabetização – PROALFA, 2015. 52 p.

MINAS GERAIS. Secretaria do Estado de Educação. Boletim pedagógico. Programa da Avaliação da Alfabetização – PROALFA, 2016. 46 p.

MORTIMORE, Peter; SAMMONS, Pamela; STOLL, Louise; LEWIS, David; ECOB, Russell. A busca pela eficácia: por que fazer um estudo das escolas primárias? In: BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José (orgs.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008, p. 153-162.

MORTIMORE, Peter; SAMMONS, Pamela; STOLL, Louise; LEWIS, David; ECOB, Russell. A importância da escola: a necessidade de se considerar as características do alunado? In: BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José (orgs.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008, p. 187-215.

REZENDE, Tânia Freitas. Pela janela do dever de casa, o que se vê das relações entre escolas e famílias? In: ROMANELLI, Geraldo; NOGUEIRA, Maria Alice; ZAGO, Nadir (orgs.). Família & escola: novas perspectivas de análise. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013, p. 199-219.

ROMANELLI, Geraldo. Levantamento crítico sobre as relações entre famílias e escola. In: ROMANELLI, Geraldo; NOGUEIRA, Maria Alice; ZAGO, Nadir (orgs.). Família & escola: novas perspectivas de análise. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013, p. 29-60.

RUTTER, Michael; MAUGHAN, Barbara; MORTIMORE, Peter; OUSTON, Janet; SMITH, Alan. Resultados escolares: Frequencia, comportamento e desempenho dos alunos. In: BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José (orgs.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008, p. 163-186.

SOARES, Magda. Alfabetização: a questão dos métodos. São Paulo: Contexto, 2018. 377 p.

THIN, Daniel. Para uma análise das relações entre famílias populares e escolas: confrontação entre lógicas socializadoras. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 32, p. 211-225, 2006.

TORRECILLA, Francisco Javier Murillo. Um panorama da pesquisa ibero-americana sobre eficácia escolar. In: BROOKE, Nigel; SOARES, Francisco José (orgs.). Pesquisa em eficácia escolar: origem e trajetórias. Belo Horizonte: UFMG, 2008, p. 466-481.

Downloads

Publicado

30/08/2022

Como Citar

PERPÉTUO, S. M., & Coutrim, R. M. E. (2022). ALFABETIZAÇÃO EM TERRITÓRIO VULNERÁVEL: O CASO DE UMA ESCOLA DE SUCESSO. INTERFACES DA EDUCAÇÃO, 13(38). https://doi.org/10.26514/inter.v13i38.6311