A PEDAGOGIA DO OLHAR E DA ESCUTA NO APRENDIZADO DE PALAVRAS, IMAGENS E NORMAS: EM UMA HISTÓRIA DE LUTAS E RESISTÊNCIAS NA EMPEF/EJA "MARIA PAVANATTI FÁVARO"

The pedagogy of looking and listening in learning words, images and norms: in a history of struggles and resistances at EMEF/EJA “Maria Pavanatti Fávaro”

Visualizações: 586

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26514/inter.v13i39.7283

Palavras-chave:

Democracia, resistência cultural., Ambiente escolar.

Resumo

O objetivo do artigo é estudar a importância do conselho de escola como uma instância fundamental no processo de democratização no “chão da escola”. A escola EMEF/EJA Maria Pavanatti, objeto de análise, está situada na região sudoeste de Campinas, estado de São Paulo. A ocupação do entorno da unidade educacional ocorreu, de fato, a partir do final da década de 1970, em razão do processo de industrialização implementada no município, por meio da criação dos Distritos Industriais de Campinas. Foram utilizados para a pesquisa os projetos políticos pedagógicos da unidade de ensino, Ofício do Gabinete do Prefeito, entrevistas, Atas do Conselho de Escola, artigos de jornais e revistas sobre as atividades desenvolvidas na escola.

Biografia do Autor

Diogo da Silva Roiz, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS)

 

Professor Associado na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), e autor de Para ser historiador no Brasil (Alameda, 2020) e O curso de Geografia e História (Alameda, 2021). Doutor em História pela UFPR, onde também fez estágio de pós-doutorado. Suas pesquisas tem se preocupado com a constituição do campo disciplinar da História no Brasil, a história de historiadores e historiadoras, a formação do ofício de historiador e a história da historiografia. E-mail: diogosr@uems.br; diogosr@yahoo.com.br.

Jonas Rafael dos Santos, Unesp

Professor permanente do mestrado profissional em análise e planejamento de políticas públicas da UNESP, Campus de Franca, da rede pública municipal de Campinas/SP, e autor de A construção social da cidadania em uma sociedade intercultural (Autores Associados, 2020). Suas pesquisas tem se pautado pela análise da estrutura da posse de escravos, os níveis e a constituição da riqueza pessoal e a história e cultura africana e afro-brasileira em sala de aula. E-mail: jrafsantos@yahoo.com.br.

Referências

AZEVEDO, Alessandro. Grande Desafio: EMEF Maria Pavanatti Fávaro disputa a final da 4ª etapa. Este ano, os alunos tiveram que projetar, construir e operar um equipamento capaz de atrair petróleo das camadas de pré-sal. Portal da Prefeitura de Campinas, 2010.https://portal.campinas.sp.gov.br/noticia/2143 Acessado em 11 de setembro de 2022.

BAENINGER, R. Região Metropolitana de Campinas: expansão e consolidação do urbano paulista,2001. https://www.researchgate.net/profile/Rosana-Baeninger-/publication/267198747_Regiao_Metropolitana_de_Campinas_expansao_e_consolidacao_do_urbano_paulista/links/54ea559e0cf25ba91c82f464/Regiao-Metropolitana-de-Campinas-expansao-e-consolidacao-do-urbano-paulista.pdf

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade Líquida. Rio de Janeiro: Editora Zahar, 2001.

BOHMAN, J. PublicDeliberation: Pluralism, ComplexityandDemocracy. Cambridge, MIT Press., 1996.

BUCCI, Eugênio. A Superindústria do Imaginário: Como o capital transformou o olhar em trabalho e se apropriou de tudo que é visível. Belo Horizonte: Autêntica, 2021.

CASTELLS, Manuel. Ruptura: a crise da democracia liberal. Rio de Janeiro: Zahar, 2018.

ROIZ, D. S.; GOMES, G. F.; SANTANA, I. J. (Org.). A (pós-) Verdade em uma Época de Mutações Civilizacionais. Serra/ES: Editora Mil Fontes, 2018.

FERREIRA, A. R. Como instaurar um bom clima escolar em regiões vulneráveis, Gestão Escolar, 2019.

https://gestaoescolar.org.br/conteudo/2145/como-instaurar-um-bom-clima-escolar-em-regioes-vulneraveis Acessado em 11 de setembro de 2022.

HAN, Byung Chul. A Sociedade do Cansaço. Petrópolis/RJ: Vozes, 2007.

LOURENÇO, Rosane Santicioli Depredação, rebeldia e resistência na escola 2005 Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Campinas, 2005.

HONNETH, Axel. Luta por reconhecimento: a gramática moral dos conflitos sociais. São Paulo: 34, 2003.

MBEMBE, Achille. Crítica da Razão Negra. São Paulo: EdiçõesN -1, 2018.

MBEMBE, Achille. Brutalismo. São Paulo: Edições N -1, 2021.

MOUFFE, Chantall. Democracia, cidadania e a questão do pluralismo. Política & Sociedade, 2003, pp.11-26 https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/3857997/mod_resource/content/1/chantal%20mouffe_democracia%2C%20cidadania%20e%20pluralismo.pdf Acessado em 11 de setembro de 2022.

OLIVEIRA, Thainá A., et. Al. MAPA DA VIOLÊNCIA DE CAMPINAS - Diagnóstico Socioterritorial, Fundação Feac, 2019. https://www.feac.org.br/wp-content/uploads/2019/12/DIAGNOSTICO-socioterritorial-fundacao-feac.pdf Acessado 11 de Setembro de 2022.

QUIJANO, Aníbal. Revista semestral del Departamento de Estudios Ibéricos y Latinoamericanos de laUniversidad de Guadalajara, Año 3, número 5, julio-diciembre 2011, pp. 1-33http://contexlatin.cucsh.udg.mx/index.php/CL/article/view/2836/7460

REY, Beatriz. Qualidade Negociada, Revista Ensino Superior, 2011. https://revistaensinosuperior.com.br/qualidade-negociada/ Acessado em 11 de setembro de 2022.

SANTOS, Milton. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. 10. ed. Rio de Janeiro: Record, 2003.

SAVIANI, Dermeval. Escola e Democracia. 43ª. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2018.

SEMIS, Laís. Aluno que briga e quebra carteira tem que ser punido? Gestão Escolar, 2018 https://gestaoescolar.org.br/conteudo/1980/aluno-que-briga-e-quebra-carteira-tem-que-ser-punido-ou-responsabilizado#:~:text=%E2%80%9CEle%20precisa%20reparar%20o%20que,rec%C3%ADproca%2C%20relacionada%20ao%20fato%20gerador. 23 de Abril de 2018 Acessado em 11 de setembro de 2022.

SOUZA, Jessé. A ralé brasileira: quem é e como vive. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2009.

VINHA, Telma Pileggi et al. O clima escolar na perspectiva dos alunos de escolas públicas. Rev. Educ. e Cult. Contemp. [online]. 2018, vol.15, n.40, pp.163-186. http://educa.fcc.org.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S2238- 12792018000300163&lng=en&nrm=iso&tlng=pt Acessado em 11 de setembro de 2022.

ZUBOFF, Shoshana. A era do capitalismo de vigilância: a luta por um futuro humano na nova fronteira do poder. tradução George Schlesinger. - 1. ed. - Rio de Janeiro : Intrínseca, 2020.

Para salvar a fauna use o cérebro. Correio Popular, 20 de julho de 2009

Força Tarefa torna escola nota 10. Correio Popular, 29 de agosto de 2007

(Equipe de Ourinhos vence o Grande Desafio e dá nome a novo asteróide). Diário Oficial Poder Executivo, Seção I, 19 de junho de 2007.

Downloads

Publicado

14-06-2023

Como Citar

Roiz, D. da S., & Rafael dos Santos, J. (2023). A PEDAGOGIA DO OLHAR E DA ESCUTA NO APRENDIZADO DE PALAVRAS, IMAGENS E NORMAS: EM UMA HISTÓRIA DE LUTAS E RESISTÊNCIAS NA EMPEF/EJA "MARIA PAVANATTI FÁVARO": The pedagogy of looking and listening in learning words, images and norms: in a history of struggles and resistances at EMEF/EJA “Maria Pavanatti Fávaro”. INTERFACES DA EDUCAÇÃO, 13(39). https://doi.org/10.26514/inter.v13i39.7283