O ato de ler: contribuições da filosofia da linguagem e teoria histórico-cultural

Andreia Oliveira Dos Santos, Sirley Leite Freitas, Cyntia Graziella Guizelim Simões Girotto

Resumo


O artigo trata, inicialmente, sobre o ato de ler e suas implicações para o ensino da leitura com base na filosofia da linguagem e teoria histórico-cultural. Para isso nos ancoramos nos aportes teóricos de Foucambert (2008), Jolibert e col. (1994), Solé (1998), Silva (2002), Vigostski (1991) e Volóchinov (2017). O artigo partiu das seguintes problematizações: “Como o ato de ler é concebido por distintos pesquisadores da temática?” e “Quais as contribuições da teoria do círculo de Bakhtin e da histórico-cultural para o ensino da leitura?”. As respostas indicam que o ato de ler deve ser concebido como um processo dialógico que envolve a interação leitor, texto, autor, permitindo assim a construção dos sentidos, e que tanto uma quanto a outra contribuem para melhor entendermos o ensino dos atos de ler.


Palavras-chave


Leitura. Ensino. Filosofia da Linguagem. Teoria histórico-cultural.

Texto completo:

PDF


ISSN: 2237-8332