Biblioteca escolar das escolas reunidas Sant’anna do Paranahyba/MT (1936-1945): contribuições para o estudo de sua história.

Rosimar Pires Alves

Resumo


Neste texto apresentam-se os resultados de pesquisa de mestrado vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Unidade Universitária de Paranaíba, sobre o tema história das bibliotecas escolares na escola primária urbana em Paranaíba/MT. A pesquisa é oriunda dos resultados do projeto “Memória da Escola Primária em Paranaíba/MS (1946-1971)”, desenvolvido no âmbito do Grupo de Estudos e Pesquisas em História e Historiografia da Educação Brasileira (GEPHEB). No projeto verificou-se em alguns documentos escolares localizados, reunidos e selecionados sobre as Escolas Reunidas Sant‟Anna do Paranahyba – um dos primeiros núcleos de escolarização do município de Paranaíba –, a fundação e a organização de uma biblioteca escolar a partir do ano de 1936, o que levou à constituição do objeto de estudo. Com isso traçou-se como objetivo contribuir para a produção de uma história das bibliotecas escolares em Mato Grosso do Sul e no Brasil, a partir da história da primeira biblioteca escolar organizada nas Escolas Reunidas Sant‟Anna do Paranahyba, mediante localização, reunião, seleção, organização e análise de fontes documentais sobre a implantação, o acervo, as especificidades e os sujeitos envolvidos. O recorte temporal abrange o período de 1936 – início das atividades da biblioteca escolar – até 1945, quando as Escolas Reunidas Sant‟Anna do Paranahyba foram transformadas no Grupo Escolar José Garcia Leal. A pesquisa fundamentou-se na abordagem histórica, no campo da educação, na vertente da Nova História que apresenta um leque de possibilidades no que se refere à pesquisa histórica em educação, constituindo um campo produtivo de estudos. Assim, a pesquisa realizada permitiu compreender que a Biblioteca Escolar das Escolas Reunidas Sant‟Anna do Paranahyba não se mostrou aquém do movimento em prol da leitura e das bibliotecas disseminados no Brasil na década de 1930, como se pode pensar à primeira vista, pois mesmo distante de uma realidade significativa a biblioteca foi pensada e implementada com recursos da Caixa Escolar em conformidade com um sistema de organização de bibliotecas que contemplava um espaço (sala da diretora – um armário), aquisição (escolha – compras na Editora Paulicea, Companhia Editora Nacional e Livraria Teixeira; assinatura da revista O Tico-Tico), organização do acervo, serviço de empréstimo e “bibliotecário”. 


Palavras-chave


História da Educação. Biblioteca Escolar. Escola Primária. Escolas Reunidas Sant‟Anna do Paranahyba. si.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26514/inter.v7i21.1394

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES: SUMARIOS.ORG   LATINDEX   SEER/IBICT   REDIB   DIADORIM   GOOGLE ACADÊMICO  DOAJ  IRESIE   ELECTRONIC JOURNALS LIBRARY  LIVRE ACESSO ERIH PLUS