William Alfred Waddell e as escolas presbiterianas da missão central do Brasil

Ester Fraga Vilas-Bôas Nascimento

Resumo


Na perspectiva da História Cultural, este texto analisa a atuação William Alfred Waddell na implantação da Estação Ponte Nova, na Chapada Diamantina vinculada à Missão Central do Brasil. A pesquisa está embasada nos conceitos de associações voluntárias (Weber, 2002), método indiciário (Ginzburg, 2007) e, representação (Chartier, 1990). Instituição vinculada à Igreja Presbiteriana do Norte dos Estados Unidos, a Missão Central do Brasil funcionou na Bahia, Sergipe, Mato Grosso, Minas Gerais e Goiás durante 100 anos (1871 a 1971), organizando centenas escolas – primárias, secundárias, paroquiais, escolas de enfermagem, escolas normais – além de igrejas, hospitais, ambulatórios, seminários e orfanatos. O projeto civilizador presbiteriano para o hinterland brasileiro possui três eixos de ação: religião, educação e saúde. Criando instituições nas três áreas, os mensageiros de Deus, como ficaram conhecidos, propuseram transformá-lo numa região “civilizada”, procurando produzir um novo modus vivendi na sociedade em que se estabeleceram. E a educação serviu de veículo para implementar seu projeto religioso.

Palavras-chave


HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO PROTESTANTE; ESCOLAS PRESBITERIANAS; WILLIAM ALFRED WADDELL.

Texto completo:

PDF

Referências


FONTES

AGRESTE PRESBITERIANO. Disponível em https://agrestepresbiteriano.com.br/a-vida-do-rev-william-alfred-waddell-missionario-em-sao-paulo-e-na-bahia/. Acessado em 30 de novembro de 2019.

BAHIA. Projeto Wagner. Câmara de Comércio Americana-BA/Governo do Brasil. Wagner: Arquivo do Instituto Ponte Nova, 1995.

BRAGA, Erasmo e GRUBB, Kenneth G. The Republic of Brazil. A survey of the religious situation. Great Britain: The Shenval Press LTD, 1932.

CENTRAL BRAZIL MISSION. Minutes of the Meetings of the Central Brazil Mission, 1897-1912. Vitória: Arquivo particular de James Wright, 1912.

CENTRAL BRAZIL MISSION. Minutes of the Meetings of the Central Brazil Mission, 1904-1938. Vitória: Arquivo particular de James Wright, 1938.

DAVIS. Merle. How the church grows in Brasil: a study of the economic and social basis of the evangelical church in Brazil. Concord: The Rumford Press, 1943.

O Puritano, 1907-1911. São Paulo: Arquivo Histórico Presbiteriano, 1911.

BIBLIOGRAFIA

CHARTIER, Roger. A História Cultural: entre práticas e representações. Tradução Maria Manuela Galhardo. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1990.

FIGUEIREDO, Eneida. As escolas paroquiais protestantes em Brotas no final do século XIX. Araraquara: FLC-UNESP. Dissertação de Mestrado em Educação, 2001.

GALVÃO, Sancha. Saudosas memórias – memórias da vida de uma professora evangélica no sertão. Rio de Janeiro: Editora e Livraria Swedenborg Ltda, 1993.

GINZBURG, Carlo. O fio e o rastro. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

HILSDORF, Maria Lúcia Spedo. Francisco Rangel Pestana: jornalista, político, educador. Tese de Doutorado. São Paulo: USP, 1986.

LAGUNA, Shirley P. Reconstrução histórica do curso normal da Escola Americana de São Paulo (1889-1933). Internato de meninas: uma leitura de seu cotidiano e da instrução e educação feminina aí ministradas. São Paulo: PUC. Dissertação de Mestrado, 1999.

MARQUES, Vera Regina Beltrão. A medicalização das raças. Médicos, educadores e o discurso eugênico. Campinas: Editora da Unicamp, 1994.

MATOS, Alderi Souza de. Os pioneiros presbiterianos no Brasil (1859-1900): missionários, pastores e leigos do século 19. São Paulo: Cultura Cristã, 2004.

NASCIMENTO, Ester Fraga Vilas-Bôas Carvalho do. A teoria sobre associações voluntárias como matriz interpretativa das instituições escolares protestantes. In: Libânia Xavier; Elomar Tambara e Antoni Carlos Ferreira Pinheiro. (Org.). História da Educação no Brasil: matrizes interpretativas, abordagens e fontes predominantes na primeira década do século XXI. Espírito Santo: EDUFES, 2011, v. 5, p. 355-377.

NASCIMENTO, Ester Fraga Vilas-Bôas Carvalho do. Educar, curar, salvar. Uma ilha de civilização no Brasil tropical. Maceió: EDUFAL; Aracaju: UNIT, 2007.

NASCIMENTO, Ester Fraga Vilas-Bôas Carvalho do. A Escola Americana: origens da educação protestante em Sergipe (1886-1913). São Cristóvão: Grupo de Estudos em História da Educação/NPGED/UFS, 2004.

WEBER, Max. Ensaios de Sociologia. 5ª ed. Rio de Janeiro: LTC, 2002.

WHELLER, Reginald. Modern missions in Chile and Brazil. Philadelphia: The Westminster Press, 1926.




DOI: https://doi.org/10.26514/inter.v10i30.4128

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES: SUMARIOS.ORG   LATINDEX   SEER/IBICT   REDIB   DIADORIM   GOOGLE ACADÊMICO  DOAJ  IRESIE   ELECTRONIC JOURNALS LIBRARY  LIVRE ACESSO ERIH PLUS 

Licença Creative Commons
Os trabalhos na Revista Interfaces da Educação está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.