O ensino da língua portuguesa escrita no Pré-Escolar e 1ª classe do Ensino Primário no Sumbe/Angola

Autores

  • Walter Guismão Quipuco Instituto de Ciências da Educação do Cuanza Sul - Universidade Katyavala BWILA https://orcid.org/0000-0002-0643-0031
  • MARINALVA VIEIRA BARBOSA Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM)

DOI:

https://doi.org/10.26514/inter.v12i34.4572

Palavras-chave:

Língua Portuguesa. Escrita. Ensino. Escola Angolana.

Resumo

Este artigo apresenta uma descrição sobre como é o ensino da língua portuguesa (LP) escrita na educação Pré-Escolar e Ensino Primário na cidade do Sumbe, Angola. A pesquisa foi realizada em 05 escolas públicas e, considerando o contexto plurilíngue e o papel que a LP assume nas relações sociais, políticas e econômicas, apresenta uma reflexão sobre o ensino e aprendizagem e as concepções que norteiam as práticas de ensino. Constituído com base na concepção de pesquisa qualitativa (BOGDAA & BIKLEN,1994), o corpus é composto por registros escritos de observação e gravação de aulas e uma ficha de iniciação e um livro didático. Orientaram este estudo a Lei de Bases (LB) do Sistema de Educação e Ensino de Angola (SEE), as reflexões de Fonseca (2012), Bernardo (2017) e Gaspar, Osório e Pereira (2012), sobre diversidade linguística e ensino em Angola, e de Barbosa (1994) sobre alfabetização. Constatamos que as práticas de ensino e o material didático são fortemente orientados pelo método sintético de alfabetização. Consequentemente, a aprendizagem tem base na repetição e memorização das estruturas da LP escrita, o que se traduz no ensino de vogais, consoantes, sílabas e frases isoladas da pluralidade linguística e cultural de Angola.  

Biografia do Autor

MARINALVA VIEIRA BARBOSA, Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM)

Professora Associada do Departamento de Linguística e Língua Portuguesa da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Graduada em Letras pela Universidade Federal de Rondônia, Mestre (2004) e Doutora (2008) em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas - este com Estágio no Laboratório ICAR (Interactions, Corpus, Apprentissages, Représentations), ligado à Université Lyon 2 e a Ecole Normale Superieure de Sciences Humaines et Lettres de Lyon – L’ENS LSH. Pós-doutorado pela Faculdade de Educação da Unicamp. É organizadora de livros sobre leitura, escrita e ensino de língua portuguesa e autora do livro O discurso emotivo nas interações em sala de aula. É docente do Programa de Mestrado em Educação e Programa de Mestrado Profissional em Letras da UFTM.

Referências

ANGOLA. Lei nº 17, de 7 de outubro de 2016. Lei de Bases do Sistema de Educação e Ensino, que revoga a Lei nº 13/01, de 31 de Dezembro, que estabelece os princípios e as bases gerais.

________. Constituição da República, 2010.

BARBOSA, J. J. Alfabetização e Leitura. 2ª Ed. rev. – São Paulo: Cortez, 1994.

BERNARDO, E. P. J. Norma e variação linguística: implicações no ensino da língua portuguesa em Angola. RILP - Revista Internacional em Língua Portuguesa - nº 32 – 2017.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Investigação Qualitativa em Educação: Uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Ed.Porto editora Lda (1994).

FONSECA, D. J. As línguas nacionais e o prestigioso português em Angola. Anais do SIELP. Volume 2, Número 1. Uberlândia: EDUFU, 2012.

GASPAR, S. I. N. F. A língua Portuguesa em Angola: Contributos para uma metodologia de língua Segunda. (Dissertação de Mestrado). Faculdade de Ciências Sociais e Humanas. Universidade Nova de Lisboa. Portugal, 2015.

GASPAR, L.; OSÓRIO, P.; PEREIRA, R. A língua Portuguesa e o seu ensino em Angola. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2012.

OLIVEIRA, L. T. de; PEREIRA, A. N.P. Vamos ler e escrever: Língua Portuguesa. Manual do aluno, 1ª classe. 1ª ed. Textos editor, Lda-Angola, 2014.

ROSA, D.; INGLÊS, R.; SILVA, M. Fichas de Iniciação-Volume 1. 1ª ed. LDA. Luanda: Fukuma editores, 2013.

SACCO, A. M.; FERREIRA, C. M. da S.; KOLLER, S. H. “Se não bater, não aprende”: Educação e direitos da criança e do adolescente em Angola. Revista Educação (Porto Alegre), v. 39, n. 1, p. 11-21, jan.-abr de 2016.

Downloads

Publicado

2021-06-18

Como Citar

Quipuco, W. G., & BARBOSA, M. V. (2021). O ensino da língua portuguesa escrita no Pré-Escolar e 1ª classe do Ensino Primário no Sumbe/Angola. INTERFACES DA EDUCAÇÃO, 12(34), 487–511. https://doi.org/10.26514/inter.v12i34.4572