Estudo Comparado Internacional em Educação Especial: Documentos Normativos e Orientadores no Brasil e no Canadá - International Comparative Study in Special Education: Normative and Guideline Documents in Brazil and Canada

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26514/inter.v12i35.5813

Palavras-chave:

Educação Comparada. Educação Especial. Documento Normativo. Inclusão.

Resumo

A educação como um direito público instaura uma nova ética que reconhece a diferença e possibilita o movimento de luta pela inclusão de alunos com deficiência. Esse estudo objetivou analisar comparativamente a política educacional do Brasil e do Canadá, especificamente no Distrito de Ontário, a partir dos documentos legais voltados para a Educação Especial. Metodologicamente, situa-se na área da Educação Comparada. Ao confrontar os documentos e normativas dos dois países, ficam evidentes as semelhanças e as diferenças. Os dois países apresentam diretrizes e normativas próprias para a educação especial, mas se distanciam nos programas de suporte. O principal ponto de aproximação se dá pelo processo de escolarização das pessoas com deficiência no ensino comum, porém a política brasileira enfrenta grandes desafios para garantir esse direito. Quanto aos distanciamentos entre a legislação brasileira e a canadense destacam-se: a organização dos serviços; a governança de sistemas de educação; a articulação entre as políticas sociais e as políticas educacionais; os diferentes sistemas de apoio; e o direcionamento dos recursos públicos. A proposição final deste texto é que a escola comum deve ser lugar de todos os alunos e que o Estado deve estar comprometido em garantir a escola pública para todos.

Biografia do Autor

Rosana C Carla do Nascimento Givigi, Universidade Federal de Sergipe

Universidade Federal de Sergipe (UFS), Aracaju – SE - Brasil. Profa. Associada do Departamento de Fonoaudiologia e do Programa de Pós-graduação em Educação – PPGED. Pós doutoranda do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal do Espírito Santo. ID Lattes: 9715817922078257. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-6592-0164 E-mail: rosanagivigi@gmail.com

Denise Meyrelles de Jesus, Universidade Federal do Espírito Santo

Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), Vitória – ES - Brasil. Profa. Titular do Departamento de Educação Política e Sociedade e do Programa de Pós-graduação em Educação – PPGE. ID Lattes: 0848394898016789. ORCID: http://orcid.org/0000-0001-7966-5424  E-mail: jesusdenise@hotmail.com

Referências

ANDERSON, S. E. & BEN JAAFAR, S. Policy trends in Ontario education. ICEC Working, Anais... Toronto, set. 2003. Disponível em: http://fcis.oise.utoronto.ca/~icec/policytrends.pdf. Acesso em: 15 set. 2020.

BANDEIRA, C.L.J; FUSSINGER, L., RAIMUNDI, J., CHRISTOVAN, C. D., DEFENDI, T., & da COSTA, M. C. Políticas públicas de inclusão a pessoa com deficiência: análise reflexiva. Brazilian Journal of Development, v. 6, n. 12, p. 100328-100335, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.34117/bjdv6n12-504 Acesso em: 15 out. 2020.

BAPTISTA, C.R. Política pública, Educação Especial e escolarização no Brasil. Educação e Pesquisa, Porto Alegre, v. 45, p. 1-19. 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S1678-4634201945217423 Acesso em: 12 de nov. 2020.

BERG, O. A.; BERND, Z. Dossiê “Rememorando o Sesquicentenário da Confederação no Canadá (1867-2017)”. MOUSEION, Canoas, n.27, ago. 2017, p. 09-12. ISSN 1981-7207

BRASIL. Resolução n.2, de 11 de setembro de 2001. Diretrizes nacionais para a educação especial na educação básica. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Básica, Brasília, 2001a. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/resolucao2.pdf. Acesso em 20 ago. 2020.

BRASIL. Decreto Nº 3.956 de 2001. Promulga a Convenção Interamericana para a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra as Pessoas Portadoras de Deficiência. Diário Oficial da União, Brasília, 2001b. Disponível em: https://repositorio.observatoriodocuidado.org/handle/handle/1695 Acesso: 15 ago. 2020.

BRASIL. Portaria Normativa nº. 13 de 2007. Dispõe sobre a criação do "Programa de Implantação de Salas de Recursos Multifuncionais, Brasília, 2007. Disponível em: https://abmes.org.br/legislacoes/detalhe/235/portaria-normativa-n-13. Acesso: 15 ago. 2020.

BRASIL, Ministério da Educação. Política pública de educação especial na perspectiva da educação inclusiva. Brasília, DF: MEC, 2008a. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/politicaeducespecial.pdf Acesso em: 15 ago. 2020.

BRASIL. Decreto 6.571/2008. Institui o Atendimento Educacional Especializado. Diário Oficial da União, Brasília, 2008b. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/decreto/d6571.htm. Acesso: 17 ago. 2020.

BRASIL. Resolução CNE/CEB nº 4, de 2 de out. de 2009. Institui Diretrizes Operacionais para o Atendimento Educacional Especializado na Educação Básica, modalidade Educação Especial, Brasília, DF: Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação, 2009a. Disponível em: https://www.legisweb.com.br/legislacao/?id=112035 Acesso: 20 ago. 2020.

BRASIL. Decreto nº 6.949, de 2009. Promulga a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo, Nova York, 30 de mar. 2007. Diário Oficial da União, Brasília, DF, n. 163, ago. 2009b. Disponível em: https://presrepublica.jusbrasil.com.br/legislacao/818741/decreto-6949-09 Acesso: 19 ago 2020.

BRASIL. Decreto no 7.611, de 17 de novembro de 2011. Dispõe sobre a educação especial, o atendimento educacional especializado e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF: [s. n.], 2011. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/decreto/d7611.htm. Acesso em 21 de ago. 2020.

BRASIL. Lei nº 13.146 de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Diário Oficial da União, Brasília, DF, DOU p. 2, jul. 2015. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm. Acesso em: 21 de ago. 2020.

BRASIL. Decreto nº 10.502, de 30 de setembro de 2020. Institui a Política Nacional de Educação Especial: Equitativa, Inclusiva e com Aprendizado ao Longo da Vida. Diário Oficial da União, Brasília, DF, n. 189, set. 2020. Disponível em: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/decreto-n-10.502-de-30-de-setembro-de-2020-280529948. Acesso em 25 de ago. 2020.

CAMACHO, R.S.; VIEIRA, J.M. Reflexões acerca da educação especial e da educação do campo numa perspectiva inclusiva. Interfaces da Educação, Paranaíba, v. 9, n. 27, p. 443-464, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.26514/inter.v9i27.3003 . Acesso em: 2 jan 2021.

CARVALHO, E.J.G. de. Estudos comparados em educação: novos enfoques teórico-metodológicos. Acta Scientiarum. Education, Maringá, v. 36, n. 1, p. 129-141, jan./Jun. 2014. Disponível em: https://doi.org/10.4025/actascieduc.v36i1.19012 . Acesso em: 01 nov 2020.

CHINCHIO NEVES, T..; GONÇALVES, W. A influência da convenção sobre os direitos das pessoas com deficiência no acesso e permanência do ensino profissionalizante no Brasil. Revista Ponto de Vista, [S. l.], v. 9, n. 3, p. 22-38, 2020. Disponível em: https://periodicos.ufv.br/RPV/article/view/10927. Acesso em: 3 nov. 2020.

CORDEIRO, K. M.; FONSECA, M.J.S. Tecnologias digitais como metodologia de aprendizagem na educação especial. Interfaces da Educação, Paranaíba, v. 11, n. 31, p. 388-412, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.26514/inter.v11i31 . Acesso em: 20 dez. 2020.

DE ALMEIDA, L.R.; ANTUNES, M.A.M.; MAGALHÃES, L.D.O.R., & dos SANTOS, R. C. Mas ele tem laudo! Implicações do Decreto 10.502/2020 no desmonte das políticas públicas para a educação inclusiva. Psicologia da Educação. Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação, São Paulo, v. 51, p. 127-131, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.23925/2175-3520.2020i51p127-131. Acesso em 1 set. 2020.

GARCIA, R.M.C. Disputas conservadoras na política de educação especial na perspectiva inclusiva. In: ______. Políticas de Educação Especial no Brasil do Início do Século XXI. Florianópolis:UFSC/CED/NUP, p. 19-66, 2017. Disponível em: https://gepeto.paginas.ufsc.br/files/2018/03/Livro-Rosalba_2017.pdf. Acesso em 3 set. 2020.

GRAMSCI, A. Maquiavel, a política e o Estado moderno, 7. ed., Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1989.

HAN, H.. The Current Status Quo and Development of Inclusive Education in Canada and its Enlightenment. In: 2018 4th International Conference on Education Technology, Management and Humanities Science (ETMHS 2018). Anais... Atlantis Press, 2018. Disponível em: file:///C:/Users/Rosana/Downloads/25893239.pdf. Acesso em 14 set. 2020.

INEP- Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Ministério da Educação. Sinopse estatística da educação especial MEC/Inep – 2019. Brasília, DF: MEC/Inep, 2019a. Disponível em: http://inep.gov.br/sinopses-estatisticas-da-educacao-basica. Acesso em: 10 nov. 2020.

INEP- Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Ministério da Educação. Microdados do censo escolar da educação básica 2019. Brasília, DF: MEC/Inep, 2019b. Disponível em: https://www.gov.br/inep/pt-br/acesso-a-informacao/dados-abertos/microdados. Acesso em: 19 nov. 2020.

JESUS, D.M. de; KASSAR, M.C.M.; RIBEIRO, L.H.C. Educação Especial, Políticas e Contextos: o caso de Cariacica. Comunicações, Piracicaba, v. 23, n. 3, p. 57-79, 2016. Disponível em: https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/comunicacoes/article/view/2932. Acesso em: 17 set. 2020.

JESUS, D.M. de; VIEIRA, A.B.; RIBEIRO, L.H.C.; VENTURINI, R.S. Educação Especial em Sassari (Itália) e em Vitória (ES, Brasil): uma pesquisa comparada. Educ. Pesqui., São Paulo, v. 45, e190751, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1590/s1678-463420194519075 Acesso em: 9 set. 2020.

KASSAR, M.C.M.; REBELO, A.S.; OLIVEIRA, R.T.C. de. Embates e disputas na política nacional de Educação Especial brasileira. Educ. Pesqui., São Paulo, v. 45, e217170, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1590/s1678-4634201945217170. Acesso em: 06 dez.2020.

ONTARIO. Ministry of Education. Education in Ontario. https://www.ontario.ca/page/ministry-education. Acesso em: 25 maio 2020.

ONTARIO. The education American Act, 1980. Revised Statutes of Ontario, Chapter 129. Toronto: Queen's Printer for Ontario.1981. Disponível em: https://search.library.utoronto.ca/details?998083&uuid=b941bbec-fd91-4e73-a74b-415bfeac67b4. Acesso em: 1 dez. 2020.

ONTARIO. Ministry of Education. “Bill 82”: An Act to Amend the Education Act, 1974. Toronto: Ministry of Education.1980. Disponível em: https://experiencemarketproperty-5.live/?utm_campaign=QPF8euu28II5lw7O2iHhCidoSOXmw5oLxD6bwphw43U1&t=main7d. Acesso em: 14 set. 2020.

ONTARIO. Policy/Program Memorandum n.11. Early Identification of Children's Learning Needs. Ministry of Education.1982. Disponível em: http://www.edu.gov.on.ca/extra/eng/ppm/ppm.html. Acesso em 10 out. 2020.

ONTARIO. Bill 30. Education Quality and Accountability Office Act, 1996. Disponível em: https://www.ontario.ca/page/ministry-education. Acesso em: 1 dez. 2020.

ONTARIO. Bill 104. Fewer School Boards Act, 1997. Disponível em: https://www.ontario.ca/page/ministry-education. Acesso em 9 nov. 2020.

ONTARIO. Bill 16. Education Quality Improvement Act, 1997. Disponível em: https://www.ontario.ca/page/ministry-education. Acesso em: 10 set. 2020.

ONTARIO. Regulation 181/98. Identification and placement of exceptional pupils. Legislative History: 137/01, 402/05, CTR 12 MR 10 – 1. Ministry of Education, 1998. Disponível em: https://www.ontario.ca/laws/regulation/980181. Acesso em: 12 nov. 2020.

ONTARIO. Bill 74. Education Accountability Act, 2000. Disponível em: https://www.ontario.ca/page/ministry-education. Acesso em: 10 set. 2020.

ONTARIO. Bill 45. Equity in Education Tax Credit, 2001. Disponível em: https://www.ontario.ca/page/ministry-education. Acesso em: 10 nov. 2020.

ONTARIO. Investing in Public Education: Advancing the Goal of Continuous Improvement in Student Learning and Achievement Report of the Education Equality Task Force, Ministry of Education. 2002. Disponível em: http://www.edu.gov.on.ca/eng/document/reports/task02/complete.pdf.Acesso em: 3 nov.2020.

ONTARIO. Bill 28. Back to School and Educational and Provincial Negotiations Act, 2003. Disponível em: https://www.ontario.ca/page/ministry-education. Acesso em: 4 de out. 2020.

ONTARIO. Policy/Program Memorandum n. 119. Developing and Implementing Equity and Inclusive Education Policies in Ontario Schools. Ministry of Education. 2013a. Disponível em: http://www.edu.gov.on.ca/extra/eng/ppm/ppm.html. Acesso em 10 out. 2020.

ONTARIO. Policy/Program Memorandum n. 155. Diagnostic Assessment in Support of Student Learning. Ministry of Education. 2013b. Disponível em: http://www.edu.gov.on.ca/extra/eng/ppm/ppm.html. Acesso em 10 out. 2020.

ONTARIO. Policy/Program Memorandum n. 8. Identification of and Program Planning for Students With Learning Disabilities. Ministry of Education. 2014. Disponível em: http://www.edu.gov.on.ca/extra/eng/ppm/ppm.html. Acesso em 10 out. 2020.

ONTARIO. Policy/Program Memorandum n. 159. Collaborative Professionalism. Ministry of Education. 2016. Disponível em: http://www.edu.gov.on.ca/extra/eng/ppm/ppm.html. Acesso em 10 out. 2020.

ONTARIO. Policy and Resource Guide. Special Education in Ontario, Kindergarten to Grade 12. Support every child, reach every students. Ontario, 2017. Disponível em: http://www.edu.gov.on.ca/extra/eng/ppm/ppm.html. Acesso em: 10 out. 2020.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Carta para o Terceiro Milênio. Londres, Grã-Bretanha, 1999. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/carta_milenio.pdf. Acesso em: 16 abr. 2020.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, aprovada pela Assembléia Geral da ONU em dezembro de 2006. Disponível em: http://www.bengalalegal.com/onu.php. Acesso em: 8 jul. 2020.

ORGANIZAÇÃO DOS ESTADOS AMERICANOS. Convenção Interamericana para a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra as Pessoas Portadoras de Deficiência. Guatemala, 28 de maio de 1999. Disponível em: http://www.oas.org/juridico/portuguese/treaties/A-65.htm. Acesso em: 1 dez. 2020.

PINHEIRO, J.F. A educação especial na perspectiva inclusiva: desafios contemporâneos dos profissionais da educação e das políticas educacionais de acesso ao ensino. Interfaces da Educação, Paranaíba, v. 11, n. 31, p. 625-649, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.26514/inter.v11i31.4517 . Acesso em: 15 dez. 2020.

REBELO, A.S.; KASSAR, M.M.. Indicadores educacionais de matriculas de alunos com deficiência no Brasil (1974-2014). Estudos em Avaliação Educacional, São Paulo, v. 29, n. 70, p. 276-307, jan./abr. 2018. Disponível em: http://publicacoes.fcc.org.br/ojs/index.php/eae/article/view/3989/3576. Acesso: 25 out. 2020.

SCHULTZ, J.; GAGLIOTTO, G.M. A práxis do acompanhante especializado na inclusão escolar do autista: Contribuições Psicanalíticas. Interfaces da Educação, Paranaíba, v. 10, n. 30, p. 445-466, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.26514/inter.v10i30.4069 . Acesso em: 10 nov. 2020.

SEBASTIAN-HEIR, E. A inclusão na educação infantil na Espanha a partir de um estudo de caso sobre os espaços escolares e sua organização. Interfaces da Educação, Paranaíba, v. 7, n. 19, p. 7-22, 2016. Disponível https://doi.org/10.26514/inter.v7i19.1028 Acesso: 02 jan 2021.

SMITH, J. A. The Education Amendment Act, 1980. 1981. Disponível em: https://rdo-olr.org/wp-content/uploads/2018/01/olr_13.1_Smith.pdf. Acesso em: 12 out. 2020.

SOUZA, S.B. Integração e inclusão: a produção de um discurso. Interfaces da Educação, Paranaíba, v. 8, n. 22, p. 100-126, 2017. Disponível em: https://doi.org/10.26514/inter.v8i22 . Acesso em: 30 nov. 2020.

SOUZA, L.T.; IRELAND, T.D. Políticas educacionais para as pessoas com deficiência uma análise com base em documentos nacionais e internacionais. Research, Society and Development, v. 9, n.. 2, 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i1.1824. Acesso em: 10 jan. 2020.

TANNÚS-VALADÃO, G.; MENDES, E.G.. Inclusão escolar e o planejamento educacional individualizado: estudo comparativo sobre práticas de planejamento em diferentes países. Revista Brasileira de Educação, v. 23, 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/s1413-24782018230076. Acesso em: 10 nov. 2020.

UNESCO. Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura. Declaração de Salamanca e enquadramento da ação: necessidades educacionais especiais. Salamanca: Unesco, 1994. https://unesdoc.unesco.org/ark:/48223/pf0000098427

ZILIOTTO, G.S.; GISI, M.L. As políticas de educação especial no Brasil: trajetória Histórica dos normativos e desafios. Journal of Education, v. 6, issue 03, 2018, p.99-115. Disponível em: https://doi.org/10.25749/sis.15075. Acesso em: 20 mar. 2020.

Downloads

Publicado

02/11/2021

Como Citar

Givigi, R. C. C. do N., & Jesus, D. M. de. (2021). Estudo Comparado Internacional em Educação Especial: Documentos Normativos e Orientadores no Brasil e no Canadá - International Comparative Study in Special Education: Normative and Guideline Documents in Brazil and Canada. INTERFACES DA EDUCAÇÃO, 12(35), 991–1016. https://doi.org/10.26514/inter.v12i35.5813