ESTRATÉGIAS LINGUÍSTICAS DE CRIANÇAS ALFABETIZANDAS PARA PRODUÇÃO DE PALAVRAS ESCRITAS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26514/inter.v13i38.4692

Palavras-chave:

Ortografia. modelo de Escrita. Processo de produção.

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar as diferentes estratégias linguísticas utilizadas por crianças alfabetizandas para produzirem palavras. O embasamento teórico para as reflexões ora expostas se dão amparadas em estudos linguísticos e psicolinguísticos que tratam sobre os estágios/fases linguísticos de escritura infantil (MOREIRA, 2009) e sobre os níveis/hipóteses psicogenéticos de desenvolvimento da escrita (FERREIRO, TEBEROSKY, 1985). Para a coletarmos os dados, aplicamos um teste de escrita em quatro momentos distintos  ao longo de um ano letivo,  em uma escola pública do município de Fortaleza, com crianças da classe de alfabetização.  Os resultados apontam que as crianças podem utilizar mais de uma estratégia linguística para produzirem palavras escritas.

Biografia do Autor

Maria Elisabete Viana da Silva, Universidade Estadual do Ceará

Pedagoga, Mestre e doutoranda em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará, Pós-Graduação em Linguística Aplicada-PosLa, Centro de Humanidades, Fortaleza, Ceará.

Wilson Júnior de Araújo Carvalho

Fonaudiólogo, Doutor em Letras, Professor da Universidade Estadual do Ceará, UECE,  Centro de Humanidades, Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada, PosLa.

Referências

Ferreiro e Teberosky

Moreira

Viana-Silva

Carvalho

Downloads

Publicado

30/08/2022

Como Citar

da Silva, M. E. V., & Carvalho, W. J. de A. (2022). ESTRATÉGIAS LINGUÍSTICAS DE CRIANÇAS ALFABETIZANDAS PARA PRODUÇÃO DE PALAVRAS ESCRITAS. INTERFACES DA EDUCAÇÃO, 13(38). https://doi.org/10.26514/inter.v13i38.4692